Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/278694
Type: TESE
Title: Migração na RM de Campinas = produção do espaço urbano e impactos sociais
Title Alternative: Migration in the Metropolitan Region of Campinas : production of urban space and social impacts
Author: Dota, Ednelson Mariano, 1986-
Advisor: Cunha, José Marcos Pinto da, 1959-
Abstract: Resumo: A mobilidade espacial da população é um dos mais importantes componentes do crescimento demográfico das metrópoles, tanto para as mais antigas quanto para as mais recentes, como a RM de Campinas. A migração, entretanto, é um fenômeno com estreitas relações com a conjuntura demográfica e econômica de determinado momento histórico, ou seja, não pode ser entendida isoladamente sem que se considere essa conjuntura em nível local, regional e nacional. A RM de Campinas deve à migração parte preponderante do seu volume populacional, onde desde a década 70 os fluxos alcançaram volume relevante e apresentaram importantes modificações ao longo destes últimos 40 anos. A redução do crescimento demográfico observado nas últimas décadas, paralelamente à redução das migrações de longa distância, coloca em evidência as modalidades migratória de curta distância, que estão diretamente associadas ao crescimento demográfico e a expansão urbana dos municípios metropolitanos. Entretanto, essa migração não ocorre aleatoriamente entre os municípios, mas é direcionada através do processo de produção do espaço urbano, ou seja, responde a fatores amplos, que fogem do escopo social e da decisão à nível individual, ao menos da população pobre. Portanto, essa dissertação analisa as motivações da migração e sua implicação para os migrantes no âmbito da RM de Campinas, buscando compreender esses diferenciais segundo as modalidades migratórias (intrametropolitanos e externos) e os principais fluxos, que explicam a manutenção desta região como o principal pólo atrativo de população do Estado de São Paulo

Abstract: The spatial mobility of population is one of the most important components of demographic metropolitan growth, both for older and for the most recent, such as Metropolitan Region of Campinas. Migration, however, is a phenomenon with close relations to the conjuncture of economic and demographic specific historical moment, and can not be understood in isolation, without considering the situation at local, regional and national level. The Metropolitan Region of Campinas owes to migration the major part of their population volume, where since the 70's, the flow reached a relevant volume and showed important changes over the last 40 years. The reduction of population growth in recent decades in parallel with the reduction of long-distance migrations put in evidence the modalities of short-distance migration, which are directly linked to population growth and urban sprawl of metropolitan municipalities. However, this migration does not occur randomly among the municipalities, but is routed through the production process of urban space, and responds the broad factors that are beyond the social scope and the decision an individual level, at least for the poor. Therefore, this dissertation examines the motivations of migration and its implications for migrants within the RM of Campinas, trying to understand these differences according to the migration modalities (intrametropolitan and external) and the main flow, which explain the maintenance of this region as the main attraction pole population of State of São Paulo.
Subject: Migração
Espaço urbano
Mobilidade residencial
Campinas, Região Metropolitana de (SP) - Migração
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2011
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Dota_EdnelsonMariano_M.pdf2.2 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.