Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/27856
Type: Artigo de periódico
Title: Fluxo de saída de oxigênio fornecido por reanimadores manuais com balão auto-inflável em pacientes com ventilação espontânea
Title Alternative: Oxygen outflow delivered by manually operated self-inflating resuscitation bags in patients breathing spontaneously
Author: Godoy, Armando Carlos Franco de
Vieira, Ronan José
Vieira Neto, Ronan José
Abstract: OBJECTIVE: To determine the oxygen outflow delivered by seven different models of manually operated self-inflating resuscitation bags (with and without an oxygen reservoir connected), which were tested using different oxygen supply rates without manipulating the bag, by simulating their use in patients breathing spontaneously. METHODS: The oxygen outflow was measured using a wall oxygen flow meter and a flow meter/respirometer attached to the bag, together with another flow meter/respirometer attached to the patient connection port. The resuscitation bags that allow the connection of an oxygen reservoir were tested with and without this device. All resuscitation bags were tested using oxygen supply rates of 1, 5, 10, and 15 L/min. Statistical analyses were performed using analysis of variance and t-tests. RESULTS: The resuscitation bags that allow the connection of an oxygen reservoir presented a greater oxygen outflow when this device was connected. All resuscitation bags delivered a greater oxygen outflow when receiving oxygen at a rate of 15 L/min. However, not all models delivered a sufficient oxygen outflow even when the two previous conditions were satisfied. CONCLUSIONS: Of the resuscitation bags studied, those that allow the connection of an oxygen reservoir must have this reservoir connected to the bag when used as a source of oxygen in nonintubated spontaneously breathing patients. All of the models studied should receive oxygen at a rate > 15 L/min. It is not safe to use manually operated self-inflating resuscitation bags for this purpose without knowing their characteristics.
OBJETIVO: Determinar o fluxo de saída de oxigênio fornecido por sete modelos diferentes de reanimadores manuais com balão auto-inflável (com e sem reservatório de oxigênio acoplado), que foram testados utilizando-se diferentes fluxos de entrada de oxigênio sem manipular o balão, simulando o uso em pacientes com respiração espontânea. MÉTODOS: O fluxo de saída de oxigênio foi medido utilizando-se um fluxômetro de oxigênio de parede e um fluxômetro/respirômetro conectados ao balão e outro fluxômetro/respirômetro conectado à porta de conexão do paciente. Os reanimadores que permitem o acoplamento de um reservatório de oxigênio foram testados com e sem esse reservatório. Todos os reanimadores foram testados utilizando-se fluxos de entrada de oxigênio de 1, 5, 10 e 15 L/min. Para a análise estatística utilizaram-se análise de variância e o teste t. RESULTADOS: Os reanimadores que permitem o acoplamento de um reservatório de oxigênio apresentaram maior fluxo de saída de oxigênio quando esse dispositivo estava acoplado. Todos os reanimadores forneceram maior fluxo de saída de oxigênio quando receberam 15 L/min de oxigênio. Entretanto, nem todos os modelos testados forneceram fluxo de saída de oxigênio suficiente mesmo quando as duas condições anteriores foram atendidas. CONCLUSÕES: Dos reanimadores estudados, os que permitem o acoplamento de um reservatório de oxigênio devem obrigatoriamente estar com esse reservatório acoplado ao balão quando utilizados como fonte de oxigênio em pacientes não intubados com respiração espontânea. Todos os modelos estudados devem receber um fluxo de oxigênio > 15 L/min. Não é seguro utilizar reanimadores manuais com balão auto-inflável para esse propósito sem conhecer suas características.
Subject: Oxigênio
Ressuscitação
Equipamento
Respiração
Cuidados intensivos
Oxygen
Resuscitation
Equipment and supplies
Respiration
Intensive care
Editor: Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S1806-37132008000400005
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S1806-37132008000400005
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-37132008000400005
Date Issue: 1-Apr-2008
Appears in Collections:Artigos e Materiais de Revistas Científicas - Unicamp

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S1806-37132008000400005.pdf252.98 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.