Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/275198
Type: TESE
Title: O processo de ensino-treinamento da tecnica e tatica no basquetebol do Brasil : um estudo sobe a otica de professores do ensino superior e tecnicos de elite
Author: Oliveira, Valdomiro de
Advisor: Paes, Roberto Rodrigues, 1956-
Abstract: Resumo: O objetivo geral da pesquisa foi explorar o conhecimento acumulado de técnicos brasileiros e professores do ensino superior em relação ao processo ensino-treinamento da técnica e da tática no basquetebol do Brasil. De forma especifica, buscou-se contextualizar os conteúdos e as estratégias metodológicas utilizadas por técnicos e professores do ensino superior para o processo ensino-treinamento dos fundamentos técnicos e dos sistemas defensivos e ofensivos nas diferentes categorias da formação desportiva:- pré-mini, mini, mirim, infantil, infanto, cadete, juvenil e sub-21. A amostra foi constituída por 11 técnicos de basquetebol com representação em nível nacional e internacional e 11 professores universitários que atuam com basquetebol em universidades brasileiras. Como critério de seleção, os técnicos deveriam ser considerados referência no País e, para a seleção dos professores universitários, o critério foi a titulação mínima de Mestre e Doutor na área de Ciência do Desporto e/ou Mestre e Doutor que atuassem no ensino do basquetebol em universidades brasileiras. O instrumento de medida utilizado foi a entrevista embasada num questionário semi-estruturado com perguntas abertas. Os dados foram analisados de forma qualitativa, através da análise de conteúdo e descrito de forma quantitativa em nível de freqüência e percentual. Os resultados mostraram que em relação ao ensino-treinamento do basquetebol na etapa de iniciação e especialização, considerando os fundamentos técnicos do jogo de basquetebol e os sistemas defensivos e ofensivos, há convergências, divergências, sob a ótica de técnicos e professores do ensino superior quanto aos conteúdos de ensino bem como as estratégias metodológicas a serem utilizadas. Por exemplo, há fortes indícios para conflitos entre os métodos de ensino dos fundamentos técnicos na iniciação, no qual os métodos analíticos sofrem críticas, enquanto os métodos de jogo parecem ser mais apropriados, principalmente para manter um maior nível de motivação dos praticantes. Já na etapa de especialização, ficou evidenciado que os exercícios produzem uma adaptação mais eficiente da técnica motora e tem maior aceitação entre os entrevistados. Em relação ao ensino-treinamento dos sistemas defensivos, pode-se confirmar que a defesa individual é a mais indicada na etapa de iniciação e, na etapa de especialização, todas as defesas equiparam-se. Com relação ao ensino-treinamento dos sistemas ofensivos, pode-se dizer que, na etapa de iniciação, deve-se evitar jogadas complexas privilegiando o ensino baseando-se nos exercícios em situações de jogo. Contudo, na etapa de especialização, há de se firmar as qualidades de conjunto com a utilização de estratégias mais complexas. Com base nos resultados do estudo, podem-se tecer algumas considerações: o ensino do basquetebol deve ser concebido num processo longo, no qual seus conteúdos e métodos variem no transcorrer do processo de ensino da técnica e da tática dos atletas, e haja um modelo de iniciação para o basquetebol brasileiro que ainda precisa de muitos estudos, principalmente longitudinais. No que tange à especialização, etapa de treinamento, firma-se a idéia de que é imprescindível a periodização embasada num planejamento dos conteúdos e métodos de treinamento em longo prazo, principalmente após 15 anos de idade, categoria infanto e cadete, com o pensamento em nível nacional e internacional. Sendo assim, tornou-se possível sinalizar algumas possibilidades pedagógicas para as diferentes fases das etapas do processo de formação técnica e tática no basquetebol brasileiro, considerando uma periodização em longo prazo dos conteúdos e estratégias pedagógicas de ensino-treinamento

Abstract: The objective of this study was to explore the acquired knowledge of Brazilian coaches and college professors in relation to the teaching-training process of technique and tactics in the Brazilian basketball. The work tried to contextualize the contents of the methodological strategies used by coaches and college professors for the teaching-training of fundamentals as well as defensive and offensive systems in all different Brazilian basketball categories. The sample group was constituted of 11 basketball coaches and 11 university basketball professors of Brazilian universities. The elected coaches had to be considered as national reference and for the elected university professors, the criterion was their master and doctor degrees in the sports scientific field, and/or basketball experts with teaching experience in Brazilian universities. The measuring instrument was an interview based in an open questionnaire. The data were analyzed qualitatively - through the analysis of the content; and quantitatively, by means of the frequency and percentage of similar answers. Results showed that, in regard to basketball teaching-training, in all stages of the process, considering the fundamentals of basketball and the offensive and defensive systems, there are convergences and divergences when it comes to teaching contents as well as methodological strategies, according to the interviewed participants¿ point of view. For instance, there are strong indications of conflicts between the teaching methods of the basketball foundations for beginners, when analytical methods are criticized, while the game method seems to be more appropriate, mainly to keep the children highly motivated. In the specialization stage, on the other hand, there was evidence that individual exercises may produce a more efficient adaptation to the motor technique, having greater acceptance among the interviewees. Regarding the defensive systems, it can be confirmed that the man-to-man defense is recommended in the initial stage, whereas in the specialization stage, the zone defense starts to be a strong tactical possibility. However, the predominance of the man-to-man defense is still observed. Regarding the offensive systems, it can be observed that in the initial stage, complex games should be avoided, privileging exercises based on game situations and individual conditions. Nevertheless, in the specialization stage, exercises should focus teamwork and more complex strategies. Based in the results of the study it is important to consider that basketball teaching must be conceived in a long term process whose contents and methods may vary according to athletes¿ fundamentals and tactics, with a model of initial stage for the Brazilian basketball that still needs further longitudinal studies. With reference to the specialization stage, it is mandatory that contents and training methods be planned in a long term basis, mainly after the age of 15, targeting national and international levels. Thus, it is possible to signal some pedagogical possibilities for the different phases from the two stages of the basketball learning process in Brazil, taking in consideration the contents and pedagogical strategies of the teaching-training process, in a long-term basis
Subject: Basquetebol
Basquetebol - Ensino
Basquetebol - Treinamento
Educação
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2007
Appears in Collections:FEF - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Oliveira_Valdomirode_D.pdf1.81 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.