Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/275190
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Avaliação subjetiva da qualidade de vida em individuos de meia idade submetidos a treinamento fisico
Title Alternative: Longitudinal study about the influence of the physical exercise in the subjetive evaluation of quality of live in middle age population
Author: Zanchetta, Luane Margarete
Advisor: Madruga, Vera Aparecida, 1955-
Forti, Vera Aparecida Madruga, 1955-
Abstract: Resumo: No Brasil, assim como em quase todo o mundo, a população idosa vem tendo um crescimento que supera o crescimento populacional totaL Deve-se levar em conta também o perfil do brasileiro que envelhece, pois inúmeros trabalhos científicos indicam que não são os anos, mas sim os hábitos incorretos e o estilo de vida inativo os principais fatores de risco para as doenças crônicas não transmissíveis, onde as maiores prevalências ocorrem a partir da meia idade. A busca da saúde por meio da prática de exercícios fisicos desde os primeiros anos de existência pode acarretar além da prevenção de tais doenças, um sentimento de bem estar e auto-estima, incrementando a qualidade de vida (QV). O objetivo deste estudo foi avaliar a percepção subjetiva da QV em 48 indivíduos de meia idade que foram submetidos a programas de treinamento físico por um período de 12 semanas. Para tal análise utilizamos o instrumento de avaliação da QV proposto pela Organização Mundial de Saúde (OMS), o WHOQOL-bref Tanto os domínios, como a qualidade de vida geral, são medidos em direção positiva, ou seja, escores mais altos denotam melhor qualidade de vida. Após efetuar a sintaxe proposta pela OMS e aplicar o teste Wilcoxon, observamos que a amostra estudada apresentou como resultados os seguintes escores antes (SED) e após o treinamento fisico (TRE) respectivamente para o Domínio Físico: de 68,15 para 75,97 (P=O,OO); Domínio Psicológico: de 63,72 para 70,49 (P=O,OO); Domínio Relações Sociais: de 63,89 para 68,75 (p=O,04); Domínio Meio Ambiente: de 62,30 para 67,51 (p=O,OI); Overall Questões 1 e 2 (escala de 1 a 20): de 14,54 para 15,87 (P=O,OO). Podemos concluir que após as análises .realizadas, os programas de treinamento físico foram capazes de incrementar todos os domínios da QV contidos no instrumento WHOQOLbref, confirmando o que a literatura tem relatado em relação aos beneficios do exercício físico para a saúde e prevenção de doenças em diferentes faixas etárias. Desta forma, deixar de ser sedentário além de ser fator de proteção para inúmeras doenças, melhora também a QV do indivíduo de meia idade

Abstract: In Brazil the elderly population comes having a growth that exceeds the gross population growth. It must itself lead in count also the profile of the Brazilian that ages, therefore endless number scientific works indicate that do not be the years, but yes the incorrect habits and the style of inactive life the main factors of risk for the not transmittable chronic illnesses, where the biggest predominance occur ITom the half age. The search of the health by means of the practical one of physical exercises since the first years of existence can cause beyond the prevention of such illnesses, a feeling of well be and self-esteem, increasing the quality of life (QV). The objective of this I study was evaluating the subjective perception of the QV in 48 individuaIs of half age that were submitted to a program of physical training during twelve weeks. For such analysis we utilize the instrument of evaluation of the QV proposed by the World Organization of Health (OMS), the WHOQOL-bref. In the domains of the instrument the value O (zero) signifies to worse QV possible and the maximum value, or be, to better QV possible, would be the value 100 (hundred). After it perform the syntax proposal by the OMS and apply the test Wilcoxon, observe that the sample studied presented as a result the following scores before (SED) and after the training physical (TRE) respectily for the Domain Physical: 68,15 to 75,97 (p=O,OO); Domain Psychological: 63,72 to 70,49 (p=O,OO); Domain Social Relations: 63,89 to 68,75 (p=0,04); Domain Environrnent: 62,30 to 67,51 (p=O,OI); Overall Ouestions 1 and 2 escale of 1 to 20): 14,54 to 15,87 (p=O,OO). We be able to infer like conclusion that after the analyses carried out, the program of physical training was capable of increase all óf the domains of the QV contained in the instrument WHOQOL-bref, confirming what the literature has related regarding the benefits of the physical exercise for the health and prevention of illnesses in different age streaks, showing that leave of be sedentary beyond be factor of protection for countless Subjective ofthe individual ofhalf age
Subject: Meia-idade
Exercícios físicos
Qualidade de vida
Estilo de vida
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2006
Appears in Collections:FEF - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Zanchetta_LuaneMargarete_M.pdf3.05 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.