Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/275165
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Paralisia cerebral : atividades ludicas e processos desenvolvimentais em ambiente hospitalar
Title Alternative: Cerebral palsy : ludic activities and developmental processes in hospital context
Author: Gomes, Celina Aguilar
Advisor: Duarte, Edison, 1955-
Abstract: Resumo: O potencial desenvolvimental de um ambiente ¿ na perspectiva ecológica de Urie Bronfenbrenner (2002) ¿ aumenta na medida em que o meio físico e social encontrado permite e motiva o indivíduo a engajar-se em atividades, padrões de interação recíproca e relacionamentos diádicos progressivamente mais complexos com as outras pessoas daquele ambiente¿. A lesão encefálica na paralisia cerebral (PC) - expressa em padrões anormais da postura e do movimento - pode gerar dificuldades relacionais que, por sua vez, podem ter efeitos mais comprometedores que o limite orgânico em si. A partir dessas reflexões, nasceu o ¿Espaço Jardim Oficina¿ ¿ nosso ambiente de atividades ¿ situado na ¿sala de espera¿ da Fisioterapia Neurológica Infantil do Hospital das Clínicas da UNICAMP. O objetivo do estudo foi verificar a influência potencial de atividades lúdicas, realizadas no contexto hospitalar, sobre os processos desenvolvimentais de crianças com PC, a partir da análise dos elementos do microssistema (atividades, papéis e relações interpessoais) de Urie Bronfenbrenner. Partindo de uma abordagem qualitativa, caracterizamos a pesquisa como um estudo de caso interpretativo. Quatro crianças com PC e suas mães foram selecionadas como sujeitos de pesquisa. O critério de escolha foi: diagnóstico de PC, assiduidade ao atendimento fisioterápico e concordância em participar de todas as etapas da pesquisa. Os instrumentos de pesquisa foram: observação participante (durante um período de dez meses) e entrevista semi-estruturada. A análise dos dados revelou uma mudança positiva na atitude de mães e crianças com relação ao ambiente. A participação crescente em atividades conjuntas, o estabelecimento de vínculos significativos e padrões de comportamento caracterizados pela motivação e satisfação em participar, demonstraram a influência benéfica da ¿transformação¿ (física e social) ocorrida no ambiente hospitalar, confirmando, assim, as hipóteses de Urie Bronfenbrenner

Abstract: The developmental potential of a setting ¿ in the ecological perspective of Urie Bronfenbrenner - is enhanced to the extent that the physical and social environment found in the setting enables and motivates the developing person to engage in progressively more complex activities, patterns of reciprocal interaction, and primary dyadic relationships with others in that setting. The brain damage in the cerebral palsy (CP) ¿ expressed by disorder of movement and posture ¿ may generate relationship limitations. In this context, we have started this research that occurred in the ¿waiting room¿ of the pediatric neurological physical therapy at UNICAMP (University Hospital). The objective was verify the potential influence of ludic activities done in the hospital context on developmental processes of children with cerebral palsy (CP), from analysis of microsystem elements (activities, roles, and interpersonal relations) of Urie Bronfenbrenner. From a qualitative approach, we have characterized the research as an interpretative case study. Four children with CP and their mothers participated in this research. The chosen criterion was the diagnostic of CP, the attendance of the therapy and the agreement to participate. The research tools were: participant observation and semi-structured interviews with the mothers. The data analysis revealed a positive change on the attitude of the mothers and children related to the environment. The growing participation in group activities, the establishment of meaningful bonds and behavior patterns characterized by the motivation and satisfaction in participating, have demonstrated the beneficial influence on the ¿transformation¿ (physical and social) occurred in the hospital environment
Subject: Paralisia cerebral
Brincar
Crianças - Desenvolvimento
Relações interpessoais
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: GOMES, Celina Aguilar. Paralisia cerebral: atividades ludicas e processos desenvolvimentais em ambiente hospitalar. 2008. 122p. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação Fisica, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/275165>. Acesso em: 11 ago. 2018.
Date Issue: 2008
Appears in Collections:FEF - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Gomes_CelinaAguilar_M.pdf1.62 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.