Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/274956
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Desempenho fisico e respostas eletromiograficas dos musculos vasto lateral, vasto medial e reto femoral durante esforços intermitentes anaerobio em ciclistas
Author: Okano, Alexandre Hideki
Advisor: Moraes, Antonio Carlos de, 1960-
Abstract: Resumo: O propósito do presente estudo foi analisar as respostas eletromiográficas dos músculos Vasto Lateral (VL), Vasto Medial (VM) e Reto Femoral (RF) durante um esforço intermitente anaeróbio e estabelecer correlações entre os sinais eletromiográficos dos músculos VL, VM e RF e os indicadores de desempenho físico. Oito ciclistas do sexo masculino (idade = 18-30 anos) foram submetidos a três testes anaeróbio de Wingate (W1, W2 e W3) intercalados por dois minutos de recuperação. Foram mensuradas a amplitude dos sinais eletromiográficos (EMG-RMS) e a potência média relativa (PMR), obtida durante os testes de Wingate. Houve queda de 27% na PMR do W1 para o W3. Com o decorrer dos testes de Wingate, verificou-se uma pequena redução na EMG-RMS do W1 para o W3 sendo mais acentuada para o RF (13%) do que para os músculos VL e VM (6%). As respostas diferenciadas de EMG-RMS apresentadas pelos músculos podem ser explicadas pelas diferenças nas propriedades biomecânicas, arquitetônicas e morfológicas. A análise de regressão múltipla indicou que o músculo com maior contribuição para o desempenho físico foi o VL. Este músculo, isoladamente explica em 68%, 45%, e 60% a variação dos resultados de desempenho físico nos testes de W1, W2 e W3, respectivamente. De acordo com os resultados podemos concluir que o padrão de fadiga muscular apresentado pelos músculos VL, VM e RF são diferenciados. Verifica-se uma queda na PMR e uma redução dos EMG-RMS, todavia, em diferentes proporções. Isto indica a necessidade do desenvolvimento de estudos que mensure os acúmulos de metabólitos e alterações no padrão dos sinais eletromiográficos durante esforços intermitentes de alta intensidade

Abstract: The purpose of the present study was to investigate the neuromuscular recruitment characteristics of Vastus Lateralis (VL), Vastus Medialis (VM), and Rectus Femoris (RF) during anaerobic intermittent effort in cyclists and the relationships between electromyographic signal of muscles and physical performance. Eight males cyclists (age 18-30 years) performed three Wingate Anaerobic Test (WAnT1, WAnT2, and WAnT3) on a cycle ergometer with two minutes of rest between each exercise bout. Relative mean power (RMP) and Root Mean Square amplitude (EMG-RMS) were recorded throughout the cycling. RMP decreased significantly between WAnT1 and WAnT3 by 27%. EMG-RMS decrease was slightly more pronounced for RF (13%) than VL and VM (6%). The different EMG-RMS fatigue patterns between the VL, VM, and RF may be explained by morphological, architecture, and biomechanical factors. The multiple regression analysis indicated that for performance the most prominent predictor was the VL. This variable alone explained 68%, 45%, and 60% of the variance in performance during WAnT1, WAnT2, and WAnT3, respectively. We concluded that EMG-RMS fatigue patterns were different between the VL, VM, and RF. MPO and EMG-RMS declined during high intensity exercise but not in the same proportion. Further investigation is required to measure both metabolite accumulation and changes in neural firing patterns during high intensity intermittent effort
Subject: Eletromiografia
Fadiga
Capacidade anaeróbica
Aptidão física - Testes
Músculos
Ciclistas
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2004
Appears in Collections:FEF - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Okano_AlexandreHideki_M.pdf2.07 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.