Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/274955
Type: TESE
Title: Indicadores de saude em mulheres acima de 50 anos de idade participantes de um programa de atividades fisicas no complexo da Mare-RJ
Title Alternative: Health indicators for women older than 50 years of age participating in a program of physical activity at the Mare community in RJ
Author: Santos, Leonardo Jose Mataruna
Advisor: Madruga, Vera Aparecida, 1955-
Forti, Vera Aparecida Madruga, 1955-
Abstract: Resumo: A presente dissertação foi desenvolvida na cidade do Rio de Janeiro-RJ, no Complexo de Favelas da Maré, região da Leopoldina, visando à implantação de um programa de saúde, não assistencialista, para idosos em alto risco social. Avaliou-se os indicadores de saúde relacionados a aptidão física em mulheres com idade igual ou superior a 50 anos ingressantes no projeto ¿Bom Dia Maré Caminhada¿, realizado na Vila Olímpica da Maré. Foram avaliadas 144 voluntárias em um estudo do tipo transversal observacional descritivo. As variáveis de saúde investigadas foram: pressão arterial circunstancial, peso, estatura, índice de massa corporal, independência funcional e flexibilidade. Apesar da dimensão do Complexo da Maré, apenas sete comunidades participaram do estudo, pois muitas pessoas deste local receiam o trânsito em determinadas áreas. Como critério de inclusão da amostra utilizou-se o PAR-Q, onde os participantes do estudo foram os que apresentaram mais de uma resposta afirmativa. Foi identificada alta prevalência de obesidade (46,7%), adiposidade abdominal (91,2%) e hipertensão arterial circunstancial (63,4%) indicando o elevado risco cardíaco presente no grupo. Na avaliação da independência funcional constatou-se que quanto mais avançada a idade maior o desequilíbrio corporal; e que se torna mais difícil levantar do que sentar durante a execução do teste. Este gesto motor tem grande relevância na independencia funcional o que influencia as atividades da vida diária. Em relação a flexibilidade, os índices obtidos foram baixos, demonstrando pouco condicionamento desta valência. Conclui-se que há mulheres residentes na Maré com quadro de obesidade, e que este agravo de saúde não possui um delineador social, ou seja, ele atinge a todas as camadas. A hipertensão arterial circustancial encontrada pode ter relação com o quadro de saúde, mas fundamentalmente tem influência das condições ambientais conflituosas em áreas de risco social. Recomenda-se que programas desta ordem sejam implantados em comuninadades com as mesmas caracteristicas, e que, as populações desta natureza tenham a oportunidade de iniciar atividades físicas voltadas à saúde, com o intuito de diminuir o nível de sedentarismo em mulheres de meia idade no Brasil

Abstract: This essay was developed in the city of Rio de Janeiro-RJ at the Maré Shanty Community, Leopoldina region, aiming to implement a health program, not as welfare work, for elderly people running high social risk. The indicators were evaluated in respect to physical fitness in women 50 or more years old participating in the project ¿Mare Good Morning Walk¿, carried out at the Mare Vila Olimpica. One hundred and forty four volunteers were evaluated in a descriptive observational transversal study. The health variables investigated were: circumstantial arterial pressure, weight, height, corporal mass index, functional independence and flexibility. Regardless of the Mare Community¿s size, only seven communities participated in the study, as many people there are afraid to pass through certain areas. As criterion to be included in the sample, PAR-Q was used, where participants in the study were the ones who had submitted more than one affirmative answer. High prevalence of obesity (46.7%), abdominal adiposity (91.2%) and circumstantial arterial hypertension (63.4%) was identified demonstrating the high cardiac risk found in the group. When evaluating functional independence it was verified that the older they were the higher their corporal imbalance was; and that it becomes more difficult to get up than to sit down during the execution of the test. This motion gesture has great relevancy in functional independence as it affects daily life activities. In terms of flexibility, the indexes obtained were low, evidencing little conditioning in this value. It was concluded that there are women at Mare with obesity problems and that this health deficiency does not have a social connotation that is, it reaches all social levels. Circumstantial arterial hypertension found may be related to the health aspect, but it is fundamentally affected by conflicting environmental conditions in areas of social risk. It is recommended that programs such as this be implemented in communities with the same characteristics, and that people with these issues have the opportunity to start physical activities oriented to health, with the objective to reduce the level of sedentariness of middle-age women in Brazil
Subject: Indicadores de saúde
Mulheres - Condições sociais
Mulheres - Condições econômicas
Exercícios físicos
Antropometria
Avaliação de riscos de saúde
Sistema cardiovascular - Doenças
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2004
Appears in Collections:FEF - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Santos_LeonardoJoseMataruna_M.pdf463.95 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.