Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/274719
Type: TESE
Title: Análise cinemática tridimensional do salto em distância de atletas de alto nível em competição
Title Alternative: Three-dimensional kinematic analysis of the long jump in high level in competition
Author: Lara, Jerusa Petróvna Resende, 1980
Advisor: Barros, Ricardo Machado Leite de, 1961-
Abstract: Resumo: O presente trabalho teve como objetivo fazer a análise cinemática tridimensional do salto em distância de atletas de alto nível em competição através de quatro trabalhos independentes. O primeiro trabalho teve como objetivo analisar a relação das variáveis cinemáticas do salto em distância de atletas de alto nível em competição através de uma análise de regressão linear múltipla nas fases de aproximação, impulsão e voo. Os resultados encontrados foram que a velocidade escalar do centro de massa no touchdown , a altura máxima do centro de massa na fase de voo e a distância do pé de apoio do atleta à tábua de impulsão foram as variáveis incluídas no modelo de predição da distância saltada, sendo conjuntamente responsáveis por 68% da variabilidade da distância. Para um segundo modelo, onde as velocidades escalares foram substituídas pelas componentes das velocidades do centro de massa, a velocidade horizontal do centro de massa no touchdown, a velocidade vertical do centro de massa no touchdown e o ângulo de ataque foram responsáveis por 88% da variabilidade da distância saltada. O segundo trabalho teve como objetivo analisar a replicabilidade e a reprodutibilidade das variáveis cinemáticas tridimensionais no salto em distância e testar a sensibilidade dos valores de replicabilidade e reprodutibilidade na predição da distância saltada. Para esse estudo dez observadores de ambos os sexos realizaram cinco medições cada um de um mesmo salto em distância sob as condições que definem reprodutibilidade e replicabilidade. A partir das edições dos observadores, foram calculadas as variáveis cinemáticas do salto em distância na fase de impulsão. Concluímos que as variáveis de velocidades do centro de massa são reprodutíveis e replicáveis acima de 0.09m/s enquanto variáveis angulares, acima de 0.67°. Para a análise de sensibilidade foi encontrado que para variação de 1m na distância saltada, seriam necessários uma variação de 0.77, 200.00 e 1.80 m/s nas velocidades horizontal, lateral e vertical do centro de massa, respectivamente e uma variação de 5.75° no ângulo do vetor velocidade do centro de massa e o plano horizontal. O terceiro trabalho teve como objetivo investigar a cinemática angular do salto em distância de atletas de alto nível em competição através de três análises dos ângulos articulares durante a fase de impulsão, sugerindo que uma análise realizada durante uma competição oficial, fornece informações valiosas para as análises técnicas e de investigação. Além disso, a análise estatística revelou que os ângulos de flexão máxima ocorre de forma seqüencial, a partir do quadril ao tornozelo, quando relacionada com a porcentagem da fase de impulsão do salto. O último trabalho teve como objetivo analisar a variabilidade nas variáveis cinemáticas ridimensionais de dois atletas medalhistas olímpicos e os resultados sugerem que os atletas devem buscar controlar as variáveis de saída da tábua, buscando reduzir a sua variabilidade e atingir seus valores ótimos das variáveis cinemáticas.

Abstract: The aim of this study is to make a three-dimensional kinematic analysis of long jump during competition through four independent papers. The first study aimed to analyze the long jump kinematic variables relationship in high level athletes in competing across a multiple linear regression analysis of the approach, takeoff and flight phases. The results showed that the center of mass velocity at touchdown, center of mass maximum height during the flight phase and distance from the support athlete's foot to the takeoff board were the variables included in he prediction model of the hopped distance, and together were responsible for 68% of the distance variability. For the second model, the scalar velocities were replaced by the velocity components of the center of mass. With that change, the center of mass horizontal velocity at touchdown, the center of mass vertical velocity at touchdown and angle of attack were responsible for 88% of the distance variability. The aim of the second study was to examine the repeatability and reproducibility of three-dimensional kinematic variables in the long jump and test the sensitivity of the repeatability values and reproducibility in the distance jumped prediction. For this study, ten observers of both sexes performed five measurements each of a long jump under the same conditions that define reproducibility and repeatability. From the observer's measurements, we calculated the kinematic variables of the long jump during the takeoff. We conclude that the variables of the center of mass velocities are reproducible and repeatable over 0.09m/s while angular variables over 0.67°. For sensitivity analysis were found that for the variation of 1m in the distance jumped, would require a variation of 0.77, 200.00 and 1.80 m/s in horizontal, vertical and lateral velocities of the center of mass, respectively, and a variation of 5.75 ° in angle velocity vector of center of mass and in the horizontal plane. The third study aimed to investigate the angular kinematic of the long jump in high level athletes during competition across three analysis of the joint angles during the takeoff, suggesting that an analysis performed during an official competition provides valuable information for technical analysis and research. Furthermore, statistical analysis revealed that the maximum flexion angles occur sequentially, from hip to ankle, when associated to the percentage of the jump takeoff. The aim of the last study were to analyze the variability in three-dimensional kinematic variables of two Olympic medalists and the results suggest that athletes should attempt to control the output variables of the board, seeking to reduce their variability and achieve their optimum values of the kinematic variables.
Subject: Biomecânica
Análise de regressão
Cinemática - Análise
Salto (Atletismo)
Sensibilidade
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2011
Appears in Collections:FEF - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Lara_JerusaPetrovnaResende_M.pdf2.02 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.