Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/274686
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Associações entre habilidades motoras grossas e rendimento acadêmico de escolares
Title Alternative: Associations between gross motor skills and academic achievement
Author: Costa, Leonardo Trevisan, 1986-
Advisor: Gorla, José Irineu, 1964-
Abstract: Resumo: A literatura tem demonstrado que capacidades motoras bem desenvolvidas facilitam o funcionamento cognitivo de crianças. Entretanto, nenhum estudo nacional representativo abordou, até o presente, a associação entre habilidades motoras grossas e rendimento acadêmico em crianças brasileiras. Neste contexto, compreender as relações entre estas variáveis poderá fornecer informações úteis para implementação de programas de intervenção. Com isso, o objetivo deste estudo foi analisar as associações entre habilidades motoras grossas e rendimento acadêmico em escolares da rede regular do município de Votuporanga - SP. Para tanto, a amostra foi composta por 929 crianças de ambos os sexos, com idades entre 5 e 11 anos. Foram realizadas medidas antropométricas de peso corporal e estatura, para o cálculo do IMC, além da circunferência abdominal. Para as habilidades motoras, foi adotada a bateria de Teste de Coordenação Corporal para Crianças (Körperkoordination Test für Kinder ¿ KTK). Informações referentes ao nível habitual de atividade física foram coletadas por meio de questionários. Para o tratamento estatístico, foram utilizadas análises descritivas para caracterização da amostra, test t de Student, teste de independência do Qui-quadrado e regressão linear para verificar as relações entre habilidades motoras e rendimento acadêmico. Os resultados demonstraram que escolares com coordenação motora boa ou muito boa apresentam 7,9 mais chances de obter um conceito de rendimento acadêmico bom ou excelente em língua portuguesa e matemática quando comparados a estudantes com pertubação ou insuficiência motora. Em contrapartida, a participação em reforço escolar demonstrou um efeito negativo na habilidade motora (? = -0,207) de meninos (?=-0,222) e meninas (-0,207). Com isso, conclui-se que ocorre uma relação positiva entre coordenação motora e rendimento acadêmico tanto para meninos quanto para meninas. Além disso, verificou-se associação negativa entre reforço escolar e coordenação motora, sendo que, a amostra deste estudo que participava de reforço escolar apresentou uma tendência a terem desordens motoras

Abstract: The literature has shown that motor skills well developed support the cognitive functioning of children. However, no national representative study discuss, at the present, the association between motor skills and academic performance in brazilian children. In this context, understanding the relationships between these variables may provide useful information for implementation of intervention program. Thus, the aim of this study was to analyze the associations between gross motor skills and academic achievement of children from regular schools of Votuporanga ¿ SP. For this purpose, the sample consisted of 929 children of both sexs, aged 5 to 11 years. Anthropometric measurements of weight and height were measured to calculate BMI, beside waist circumference. For motor skills, we adopted the Body Coordination Test Battery for Children (Körperkoordination Test für Kinder - KTK). Information for the usual level of physical activity were collected through questionnaires. For statistical analysis, descriptive analyzes to characterize the sample were adopted, Student's t test, chi-square test of independence and linear regression to verify the relationship between motor skills and academic achievement. The results showed that students with good or very good motor coordination have 7.9 more chances to get a concept of good or excellent academic achievement in portuguese and mathematics when compared to students with disturbance or motor failure. However, participation in school support demonstrated a negative effect on motor skill (? = -0.207) in boys (? = -0.222) and girls (-0.207). Thus, it concludes that there is a positive relationship between motor coordination and academic achievement for both sex. In addition, there was a negative association between school support and motor coordination, and that children who participate in tutoring are more inclinable to have motor disorders
Subject: Habilidade motora
Desempenho acadêmico
Escolares
Editor: [s.n.]
Citation: COSTA, Leonardo Trevisan. Associações entre habilidades motoras grossas e rendimento acadêmico de escolares. 2015. 103 p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação Física, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/274686>. Acesso em: 27 ago. 2018.
Date Issue: 2015
Appears in Collections:FEF - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Costa_LeonardoTrevisan_D.pdf1.27 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.