Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/271112
Type: TESE
Title: A escritura não é o nada : comentários bíblicos de Jerônimo e Agostinho ao Gênesis e o efeito-texto
Title Alternative: Scripture is not the nothingness : biblical commentaries on Genesis by Jerome and Augustine and the text effect
Author: Pinto, Luciano C. G., 1979-
Advisor: Prata, Patricia, 1974-
Abstract: Resumo: Este trabalho analisa, numa perspectiva discursiva, os efeitos produzidos pelo ato de comentar a Bíblia levado a cabo por duas figuras-chave dos primórdios do cristianismo: Jerônimo de Estridão (347-420 d.C.) e Agostinho de Hipona (354-430 d.C.). Investiga-se o impacto dessa empresa comentarista tanto no modo como o texto bíblico foi materialmente transmitido (ortografia, léxico, fraseologia, ordem dos textos) como na história de sua recepção (tópicos e temas preferidos em detrimento de outros tantos possíveis). O propósito é demonstrar quão poderosa é a intervenção dos comentários não apenas na formação do cânone bíblico, mas também na constituição da própria noção de que o conjunto de textos reunidos sob a rubrica de Bíblia ou Sagrada Escritura forma, afinal - e apesar de uma superfície textual que apresenta disparidades e, eventualmente, grandes contradições de caráter linguístico, narrativo ou mesmo teológico -, um texto, que expressa um único e mesmo plano deliberativo autoral

Abstract: This study examines from a discourse-analytical perspective the effects arisen from the practice of commenting the Bible that was followed by two early Christian key figures: Jerome of Stridon (c. 370-420 AD) and Augustine of Hippo (354-430 AD). The impact of these commentatorial works is investigated both with regarding to the way in which the very biblical text was materially (orthography, lexicon, phraseology, chapter order) handed down and to the history of its hermeneutical reception (the topics and themes which have been favored at the expense of all other possibilities). The purpose therefore is to demonstrate how powerful such commentatorial interventions are in the forming of the biblical canon and also in underpinning assumptions that the set of texts brought together under the rubric of Bible or Sacred Scriptures forms ultimately - in spite of a textual surface presenting disparities and sometimes great contradictions of linguistic, narrative or even theological character - a text which expresses just one and the same authorial design
Subject: Agostinho, Santo, Bispo de Hipona, 354-430
Jerônimo, Santo, m. 419 ou 20
Biblia - Hermeneutica
Bíblia - A.T. - Crítica e interpretação
Antiguidade tardia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2013
Appears in Collections:IEL - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Pinto_LucianoC.G._D.pdf4.08 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.