Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/271110
Type: TESE
Title: Fastos II : gênero e metapoesia
Title Alternative: Fasti II : genre and metapoetry
Author: Faustino, Raquel, 1987-
Advisor: Prata, Patricia, 1974-
Abstract: Resumo: Estudos mais recentes sobre a obra ovidiana têm nos mostrado como o poeta brinca com as convenções genéricas do sistema literário latino. Mesmo se recusando a compor uma épica ou a escrever uma elegia amorosa, Ovídio não deixa de recorrer a esses gêneros para compor uma elegia didática muito singular, os Fastos. Essa sempre intrigou seus pesquisadores no que diz respeito a sua classificação quanto ao gênero literário, pois, a despeito da importância do tema abordado ¿ o calendário romano ¿, o poeta adota o dístico elegíaco que, na tradição latina, era mais comumente empregado em obras amatórias. Ao tratar dessa aparente inadequação entre tema e metro, passagens metapoéticas parecem situar os Fastos acima da obra amatória anteriormente composta pelo poeta. Contudo, temos em diversas passagens trechos que nos remetem à poesia amatória ovidiana e trechos que fazem alusões a obras épicas. Sendo assim, com o objetivo de entendermos como características desses diferentes gêneros emergem nos Fastos, nosso trabalho se propõe, partindo de uma leitura intertextual, analisar como o poeta acomoda elementos épicos e referências a sua obra amatória em seu poema-calendário, levando em consideração os possíveis efeitos de sentidos que alusões a obras de outros gêneros trazem para esse texto ovidiano

Abstract: Recent studies about Ovid¿s works have shown how the poet plays with the generic conventions of the Latin literary system. Even refusing to write an epic poem or a love elegy, Ovid lays hold of these two genres to compose a very singular didactic elegy: the Fasti. This poem had always intrigued scholars who tried to sort it by its genre. Despite the importance of the theme ¿ the Roman calendar ¿ the poet adopts the elegiac couplets, a metre that, in Latin literary tradition, is associated with love elegies. Addressing this apparent strain between theme and metre, metapoetry passages seem to situate the Fasti above the love works that the poet had written before. Nevertheless, it¿s possible to find passages that evoke Ovid¿s love elegies and also to find allusions to epic poems. Therefore, to understand how characteristics of different genres emerge in the Fasti, our aim is to analyze how the poet accommodates epic elements and references to his love works in his didactic elegy. To do this, we propose an intertextual reading that could take into account possible meaning effects that allusions to other genres bring to this particular ovidian text
Subject: Ovídio . Fastos. Livro 2 - Crítica e interpretação
Gêneros textuais
Poesia latina
Metalinguagem
Intertextualidade
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2014
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Faustino_Raquel_M.pdf2.19 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.