Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/271055
Type: TESE
Title: O acontecimento discursivo da televisão no Brasil : a imprensa na constituição da TV como grande midia
Title Alternative: The discursive Event in Brazilian Television : the press in the constitution of television as a great media
Author: Dela-Silva, Silmara Cristina
Advisor: Zoppi-Fontana, Mónica, 1961-
Abstract: Resumo: Este trabalho tem como foco a análise do discurso da imprensa brasileira sobre o aparecimento da televisão no Brasil, na década de 1950, a partir dos pressupostos teóricos e metodológicos da Análise de Discurso. O seu objetivo é compreender como publicações consideradas integrantes da chamada imprensa de referência à época constituem sentidos para a televisão e o início de suas transmissões, e como esse dizer da imprensa participa da constituição da imagem de grande mídia para a TV. Como ponto de partida para a composição do corpus discursivo é adotado o acontecimento histórico e jornalístico de inauguração da TV Tupi em São Paulo, em 18 de setembro de 1950. As análises centram-se, no entanto, no acontecimento discursivo da televisão no Brasil, depreendido a partir do trajeto temático do aparecimento da TV no país, que se marca na materialidade de textos jornalísticos e publicitários publicados pela imprensa brasileira entre os anos de 1948 e 1953. Para constituição do corpus, foram escolhidos a revista O Cruzeiro, publicação do grupo Diários e Emissoras Associados, responsável pela instalação das duas primeiras emissoras de televisão no país; e, em contraposição a este lugar de dizer institucional, o jornal O Estado de S. Paulo, um dos principais periódicos em circulação à época, e a revista Manchete, concorrente direto da O Cruzeiro. As análises mostram que as três publicações, embora ocupem lugares diferenciados de dizer, produzem sentidos para a televisão a partir de mesmas formações discursivas - com o recurso à memória das mídias já conhecidas; na indistinção que promovem entre as noções de público e privado; nas novas relações entre tempo e espaço que instauram; e pela constituição do público da TV como consumidor. Por meio da identificação do processo discursivo a partir do qual a TV significa em seus primeiros anos na sociedade brasileira, as análises buscam contribuir para a compreensão de como o processo de produção de sentidos para um novo objeto discursivo - a televisão - constrói discursivamente a imagem da TV como grande mídia e participa da constituição de novos modos de subjetivação na sociedade brasileira.

Abstract: This work focuses on analyzing the discourse of the Brazilian press about the advent of the television in Brazil in the 50s using theoretical and methodological assumptions of the Discourse Analysis. It aims at understanding how publications considered the mainstream press at that time constitutes meanings for the television and the beginning of its broadcasts, as well as how this discourse of the press takes part in constituting the image of great media for the television. The starting point of the discursive corpus is the historical and journalistic happening of the TV Tupi opening in São Paulo on September 18th, 1950. Nevertheless, the analyses focus on the discursive event of the television in Brazil from the thematic stretch of the advent of television in the country that is marked in the materiality of the journalistic and advertisement texts published in the Brazilian press between 1948 and 1953. The corpus is comprised of the magazine O Cruzeiro, a publication from the Diários e Emissoras Associados Group that was responsible for installing the first two television broadcasters in the country, and, to counterpose this place of institutional saying, the newspaper O Estado de São Paulo, one of the most important newspapers at the time, and the magazine Manchete, a direct competitor of O Cruzeiro. The analyses show that the three publications, though occupying different places, produce meanings for the television from the same discursive positions - resourcing to the memory of already known media; in making no distinction between the public and the private; in the new relations of time and space; and in the constitution of the TV audience as consumers. Through the identification of the discursive process from which the television means in its early years in the Brazilian society, the analyses aim at contributing for the understanding of how the process of meaning production for a new discursive object - the television - discursively shapes the image of television as a great media and takes part of the constitution of new ways of subjectivation in the Brazilian society.
Subject: Análise do discurso
Televisão - Brasil
Imprensa - Poços de Caldas (MG) - História
Mídia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2008
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Dela-Silva_SilmaraCristina.pdf5.34 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.