Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/271028
Type: TESE
Title: O papel do lexico na compreensão em leitura em lingua estrangeira : foco no produto e no processo
Author: Scaramucci, Matilde V. R., 1951-
Advisor: Cavalcanti, Marilda do Couto, 1948-
Cavalcanti., Marilda do Couto
Abstract: Resumo: Este trabalho visa investigar, na perspectiva de um modelo de leitura interativo, o papel do vocabulário na compreensão em leitura em um contexto de língua estrangeira (LE doravante). Mais especificamente seu objetivo é avaliar a competência lexical em inglês de alguns brasileiros em uma universidade estadual paulista e tentar relacionar essa competência à sua habilidade de leitura de textos gerais em inglês. Embora a literatura saliente a importância dessa contribuição, não há dados conclusivos referentes à natureza dessa relação, principalmente em L.E. A evidência de um possível nivel limiar de competência lexical é investigada, assim como as implicações desse limiar para o processo e o produto da compreensão. Considerando-se a complexidade do processo de leitura, ou seja, um processo em que há a interação de vários componentes, este estudo não poderia deixar de incluir dados sobre outros aspectos, tais como conhecimento prévio ou conceitual, proficiência em leitura em língua materna (LM doravante) e concepções do leitor sobre o processo de leitura. O problema é investigado sob dois focos diferentes, ou seja, de produto e de processo, envolvendo análises de ênfase quantitativa e qualitativa, que se complementam. Os dados de ênfàse quantitativa, com foco na compreensão enquanto produto, considera 49 sujeitos e foram coletados através de questionários, testes de vocabulário, de leitura e de conhecimento conceitual. Os testes de vocabulário foram elaborados a partir de wn conceito rico de vocabulário (Richards 1976). Esse conceito considera o vocabulário em sua extensão e profundidade, euvolvendo vários componentes, que podem ser lingüísticos, psicolingilísticos e sociolinguísticos, incluindo também uma dimensão de uso. Os resultados desse estudo mostram uma relação forte entre competência lexical e compreensão em leitura, que pode ser observada através de correções e comprovada através da análise fatorial. Os dados de ênfase qualitativa com foco no processo da compreensão foram obtidos através de protocolos de leitura de três sujeitos, Com diferentes graus de proficiência em leitura, selecionados a partir do estudo de produto. Esses dados mostram que as pausas no processo de construção de sentido do texto dos três leitores são. detonadas por problemas que, na superficie, podem ser considerados lexicais, ou de acesso a significados de palavras, mas que uma análise mais profunda mostram estarem relacionados também à dificuldades nos níveis sintático, morfol8gico, fonológico, semântico e pragmático-discursivo. A competência lexical mais desenvolvida do leitor intermediário avançado deste estudo lhe permite utilizar dos vários recursos (definidos como a interação entre fontes/níveis de conhecimento e as restrições do texto ou pistas) para o estabelecimento do contexto do texto e do contexto geral, na maior parte das vezes de forma automática, o que lhe possibilita construir o contexto de forma controlada, quando necessário, não apenas para a inferência de palavras, mas, principalmente, para a construção de um sentido para o texto, ou para processamentos de nível mais alto. A competência lexical menos desenvolvida dos outros dois leitores, por outro lado, caracterizada por dificuldades nos vários níveis acima identificados, leva-os a depender da construção de um contexto de forma controlada para o acesso às palavras. Como estas são muito numerosas, toda sua capacidade de processamento acaba sendo consumida nesse processo, e seu foco, na leitura, acaba sendo a inferencia ou decodificação dessas palavras, e não a construção de um sentido para o texto. Os dados dos dois estudos mostram que o conhecimento conceitual, a leitura em LM assim como diferentes concepções de leitura, embora importantes, não parecem compensar, sem maiores problemas, lacunas na competência lexical, evidenciando, portanto, um nível limiar de competência lexical que é relativo, uma vez que parece variar de acordo com o texto e propósitos de leitura. Entretanto, embora uma competência lexical bem desenvolvida seja uma condição necessária para uma interpretação pragmática, ou para a negociação de sentidos que caracteriza uma leitura crítica, ela do é suficiente. Nesse sentido, fatores pragmáticos, relacionados à situação de leitura são fundamentais. Este estudo oferece: contribuições téoricas, relacionadas ao conceito de competência lexica; contribuições metodológicas, que dizem respeito principalmente ao seu desenho de pesquisa inovador e abraogente; e, finalmente contribuições práticas, vistas enquanto um conjunto de subsídios para o ensino e avaliação da leitura e do vocabulário em uma situação de LE

Abstract: Not informed.
Subject: Língua inglesa - Estudo e ensino
Lingua inglesa - Lexicologia
Leitura
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1995
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Scaramucci_MatildeV.R._D.pdf67.14 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.