Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/271026
Type: TESE
Title: A política de CT&I no Jornal da Ciência = a visão da comunidade científica
Title Alternative: Jornal da Ciência's viewon Science and Technology Policies
Author: Levy, Clayton Bianchini
Advisor: Caldas, Maria das Graças Conde
Abstract: Resumo: Este trabalho examina a atuação do Jornal da Ciência (JC), veículo impresso da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), na cobertura de temas relacionados à política nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I). Trata-se de um Estudo de Caso que examina a trajetória editorial do JC desde a sua criação, em julho de 1985, até julho de 2010. A metodologia central é a de Análise de Conteúdo, de natureza qualitativa, combinada, em alguns momentos, com a quantitativa. Examina como o JC, conhecido como "o amarelinho", exerce três das principais funções do jornalismo nas democracias contemporâneas: agendar os temas prioritários na esfera pública de discussões; promover a informação contextualizada sobre estes mesmos temas; e atuar como fiscal (watchdog) dos formuladores e executores de políticas públicas, colaborando para elevar o grau de transparência (accountability) dos mesmos. A pesquisa foi dividida em três etapas: 1) análise da evolução gráfica e editorial do JC; 2) análise das capas, incluindo manchetes, textos das chamadas e charges; e 3) análise das matérias que tratam especificamente de política de CT&I. O corpus foi constituído por 48 edições, tendo como fio condutor as gestões dos 14 ministros de CT&I no período de 1985 a 2010. Para cada ministro foram extraídas três edições, compreendendo início, meio e final de cada mandato. Ao escolher os ministros dos diferentes governos como uma das variáveis pretendeu-se contextualizar a trajetória do JC nas diversas fases que marcaram o Sistema Nacional de C&T. A pesquisa apontou que o jornal exerce um monitoramento crítico e analítico das políticas públicas de CT&I. Consegue pautar o tema entre a comunidade científica, estimulando o debate nesse segmento, mas tem dificuldades para atingir um público maior e ouve pouco outros segmentos da sociedade civil. A Ciência é apresentada como estratégica enquanto os cientistas são projetados como agentes sociais engajados, críticos e propositivos. O exame do corpus revelou, ainda, que a maior parte dos textos e charges remetem a uma imagem negativa do Governo. A postura de "cão de guarda" em relação às ações do Governo transparece sobretudo no tom das matérias e charges, que em sua maioria apresentam conotação crítica ou de denúncia sobre a ausência de visão estratégica do governo sobre o setor

Abstract: This work examines the performance of the Jornal da Ciência (JC), a printed medium by the "Brazilian Society for the Progress of Science" (Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência - SBPC), in covering issues related to the national politics of Science, Technology and Innovation (ST&I). This is a Case Study that examines the editorial trajectory of JC since its creation, in July of 1985, until July of 2010. The central methodology is Content Analysis, of a qualitative nature, combined, in some points with the quantitative. It will examine how the JC, also known as "little yellow", perform three of the main duties in journalisms in contemporary democracies: schedule the main issues in the public sphere of discussion; promote the contextualized information on such topics; and act as a watchdog on the formulators and executioners of public politics, contributing in elevating their degree of accountability. The research was divided into three stages: 1) analysis of the graphic and editorial evolution of JC; 2) analysis of the front pages, including headlines, catch-phrases and political satire; and 3) analysis of the pieces that deal specifically with ST&I politics. The body of work is comprised by 48 editions, having as biding thread the management of the 14 ministers of ST&I during the period of 1985 to 2010. For each Minister three editions were extracted, comprising the beginning, middle and end of each administration. In choosing the Ministers from different governments as one of the variables, the intention was to contextualize JC's trajectory in the several phases that have imprinted the National System of S&T. The research pointed out that the journal has a critical and analytical monitoring of the ST&I public politics. It can outline the issue between among the scientific community, stimulating the debate in this segment, but has difficulties to reach wider audience and listens to a few other segments of civil society. The Science is presented as strategic while the scientists are projected as committed, critical and pro-positive social agents. The examination of the body of work, also revealed, that most of the texts and political satires reflect a negative image of Government. The role of "watchdog" in relation to Government actions specially in the tone of the pieces and political satire, in which most of them present a critical or denunciation on the absence of strategic vision of the Government regarding the sector
Subject: Jornal da Ciência (Jornal)
Divulgação científica
Ciência e Estado
Comunicação
Jornalismo científico
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2010
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Levy_ClaytonBianchini_M.pdf7.65 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.