Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/270952
Type: TESE
Title: Argumentação e cidadania na escolarização em área de fronteira
Title Alternative: Argument and citizenship in schooling in border area
Author: Pereira, Marilda Fatima Dias, 1957-
Advisor: Castro, Maria Fausta Pereira de, 1944-
Castro, Maria Fausta Cajahyba Pereira de, 1944-
Abstract: Resumo: Este trabalho tem como objetivo analisar os elementos argumentativos empregados em textos escolares por alunos bolivianos, em escolas brasileiras na fronteira Brasil/Bolívia, que possibilitem identificar sua cidadania. Nossa pesquisa se inscreve nas teorias da Semântica da Argumentação, tendo como apoio as teorias da Aquisição de Linguagem. Nesse universo, buscamos conhecer os processos de formação de uma fronteira, enfocando a fronteira Cáceres-MT /San Matias-BO, na sua instância geopolítica e sociocultural; localizamos os habitantes da área fronteiriça, procuramos conhecer a formação do povo Chiquitano e o processo de institucionalização de escolas e das línguas. Numa troca de conhecimentos, os sujeitos fronteiriços manifestam prazer em aprender sobre o outro, sua cultura, seu idioma e sua língua. Esse convívio fronteiriço nos possibilitou identificar situações as quais nomeamos de "lugares de cidadania", pois compreendemos que, ao se autodenominarem "descendentes", "mestiços", "fronteiriços", esses sujeitos se situam numa indeterminação, não só linguística, mas principalmente de pertencimento pátrio. Essa pesquisa sugere estudos que se concentrem na formação linguística da área e nos permite concluir que realizamos, simplesmente, um reconhecimento de fatos presentes e influentes em todas as instituições d/nesse local: escolar, linguística, social, identitária, cidadã etc

Abstract: This paper aims at analyzing the argumentative elements used in textbooks for Bolivian students in Brazilian schools on Brazil/Bolivia borderland, which enable to identify their citizenship. Our research forms part of the theories of Semantics of Argumentation, having as support the theories of Language Acquisition. In this universe, we seek to understand the processes of forming a borderland, focusing on Cáceres-MT/San Matias-BO borderland in its geopolitical and sociocultural instance, locate the inhabitants of the border area; we try to know the training of the Chiquitano people and the process of institutionalization of schools and languages. In a knowledge exchange, frontier subjects manifest their pleasure in learning about the other, their culture and their language. This frontier interaction allowed us to identify border situations which we named as "places of citizenship" because we understand that when they call themselves "descendants", "mixed race", "borderland men", these subjects are located in indeterminacy, not only linguistic, but mostly of belonging patriotism. This research suggests studies that focus on language training area and allows us to conclude that we do simply a recognition of present and influential facts in all institutions from/in this place: school, linguistic, social, identity, citizenship etc
Subject: Escolarização
Línguas
Fronteiras
Cidadania
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2013
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Pereira_MarildaFatimaDias_D.pdf1.81 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.