Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/270740
Type: TESE
Title: Sabático = um novo tempo para a leitura? (A retomada do Suplemento Literário no Estado de S. Paulo)
Title Alternative: Sabático : a new time for reading? (The resumption of the Suplemento Literário in the Estado de S. Paulo)
Author: Costa, Juliana Meres, 1983-
Advisor: Caldas, Maria das Graças Conde
Abstract: Resumo: Este trabalho faz uma reflexão acerca do papel do suplemento literário Sabático do jornal O Estado de S. Paulo (OESP), nascido em 13 de março de 2010. Verifica a influência do Suplemento Literário (1956-1974) no novo suplemento do mesmo jornal. Observa de que maneira a retomada do Suplemento Literário contribui para o resgate do prazer pela literatura e pelo conhecimento em tempos de modernidade, de informação rápida, fluída. Para isso, relata a trajetória do Estadão no desenvolvimento de reformas gráficas e editoriais e na criação de cadernos culturais. Descreve o contexto de criação do Sabático e sua história ao longo do primeiro ano de circulação. Verifica se e como o conteúdo do Suplemento está vinculado ao mercado editorial e, consequentemente, à indústria cultural. Discute a relação entre informação e conhecimento a partir da campanha publicitária de 2009 do OESP - "Qual o valor do conhecimento?" -, que antecede a reforma gráfica e editorial do jornal. A pesquisa está ancorada nos conceitos de indústria cultural (Adorno e Horkheimer, 1947), de jornalismo como conhecimento (Meditsch, 1998) e de modernidade líquida (Bauman, 2001). Foi utilizado o método de análise de conteúdo, aplicado em um corpus composto por um ano construído de publicações do Sabático, de 13 de março a 18 de dezembro de 2010. As conclusões apontam para o fato de que o Sabático, embora represente um espaço de debate sobre a literatura (e o mercado editorial de maneira mais ampla) na imprensa brasileira, permitindo a construção de conhecimento erudito em seus leitores, não contribui para ampliar o prazer pela literatura e pelo conhecimento em tempos de modernidade líquida, de informação rápida, tampouco ajuda a disseminar esse prazer. Essa dificuldade se dá, especialmente, devido a dois fatores: 1) a abordagem jornalística noticiosa das pautas se sustenta, prioritariamente, por lançamentos recentes do mercado editorial ou outros acontecimentos relacionados ao tempo presente, limitando o escopo da apreciação literária; 2) o público alvo restrito, tanto do suplemento Sabático quanto do jornal O Estado de S. Paulo, que são voltados para as elites intelectuais e econômicas do Brasil, já abastadas em relação ao acesso ao livro, à leitura e à cultura de modo geral

Abstract: This research makes a reflection on the role of the literary supplement named Sabático, from O Estado de S. Paulo (OESP) newspaper, created on March 13, 2010. It checks the influence of the Suplemento Literário (1956-1974) in the new literary supplement of the same newspaper. It observes how the resumption of the Suplemento Literário helps to bring back the pleasure of literature and knowledge in modern times, times of fast and fluid information. In order to do this, the trajectory of the Estado newspaper in the development of graphic and editorial reforms and in the creation of cultural supplements is described. The context of creation of the Sabático and its history during its first year of circulation are described as well. The research also analyzes if and how the content of the Supplement is linked to the publishing market and, consequently, to the cultural industry. It also discusses the relationship between information and knowledge from the 2009 OESP advertising campaign - "Which is the value of knowledge?" - that proceeds the graphic and editorial reform of the newspaper. The research is anchored in the concepts of cultural industry (Adorno and Horkheimer, 1947), journalism as knowledge (Meditsch, 1998) and liquid modernity (Bauman, 2001). The method of content analysis was applied to a corpus consisting of one constructed year of Sabático publications, from March 13 to December 18, 2010. The conclusions point to the fact that, although Sabático represents a place for literature (and the publishing market, in a broader way) debate in the Brazilian press, allowing the construction of erudite knowledge in its readers, it does not contribute to the increase of the pleasure of literature and knowledge in times of liquid modernity, rapid information, and it doesn't help to spread this pleasure either. This difficulty happens especially due to two factors: 1) the journalistic approach of the subjects exposed in the Supplement is sustained primarily by recent publishing releases or other events related to the present time, limiting the scope of literary appreciation; 2) the restricted target public of both the Sabático supplement and the O Estado de S. Paulo newspaper, which are aimed to the economic and intellectual elites of Brazil, already wealthy in relation to the access to books, reading and culture in general
Subject: O Estado de São Paulo (Jornal). Suplemento literario
O Estado de São Paulo (Jornal). Sabático
Cultura - Brasil
Jornalismo - Aspectos políticos
Indústria cultural
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2012
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Costa_JulianaMeres_M.pdf65.93 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.