Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/270529
Type: TESE
Title: Ensino infantil da língua inglesa no Brasil : uma análise discursiva da evidência do "quanto mais cedo melhor"
Title Alternative: English language teaching for children in Brazil : a discoursive analysis of the evidence of "the sooner, the better"
Author: Parma, Alan Febraio, 1988-
Advisor: Pfeiffer, Cláudia Regina Castellanos, 1970-
Abstract: Resumo: Observamos, em nossa sociedade, um crescente aumento pela procura por cursos de língua inglesa para crianças desde a primeira infância, sustentado por um argumento que circula de maneira transparente como uma verdade estabilizada: o do "quanto mais cedo, melhor". De modo a atravessar esta evidência, ancoramo-nos na Análise de Discurso, bem como, devido às próprias necessidades desta pesquisa, na História das Ideias Linguísticas, para compreender como a língua inglesa, na história da gramatização brasileira da língua portuguesa na relação com as línguas designadas estrangeiras, constitui-se, no imaginário brasileiro, como a língua estrangeira necessária a ser ensinada cada vez mais cedo, permitindo que surgissem e se estabilizassem tantos cursos infantis de língua inglesa no país. Mostramos em nosso trabalho que o argumento do "quanto mais cedo, melhor" é sustentado por uma rede de significação na qual jogam o discurso científico, o da globalização e o mercadológico, permitindo que o sujeito imerso nesse espaço discursivo do ensino infantil do inglês (pais, alunos, professores, gestores, administradores) trabalhe na evidência de que quanto mais cedo se inicia o ensino do inglês como língua estrangeira - por razões científicas -, mais cedo se está garantindo o sucesso financeiro e pessoal de um indivíduo na sociedade global, permitindo que ele se destaque dos demais, subjugando-os. Em nossa pesquisa, além de percorrer os percursos institucionais sobre o ensino da língua inglesa enquanto língua estrangeira no Brasil procurou compreender como estes discursos são postos em circulação por três centros de ensino de línguas do país. Desse modo, traçamos algumas das condições de produção que levaram a esta prática, desde o início do ensino de línguas estrangeiras no Brasil - colônia até a legislação atual que normatiza este ensino, além de mostrarmos o processo histórico que colocou a língua inglesa como a língua de poder nas relações mundiais atuais, possibilitando a configuração imaginária do inglês como língua global. Por fim, analisamos o discurso institucional e as campanhas publicitárias de três centros de ensino de línguas na atualidade do Brasil para compreendermos os sentidos de língua inglesa e infância presentes nestes dizeres, além de entender os discursos que os sustentam

Abstract: We notice, in our society, a rising increase on the search for English language courses for children, since early childhood, sustained by an argument which circulates in a "transparent" way as an established true: "the sooner, the better". In order to traverse this plainness, we aim to understand how the English language, in the Brazilian institutionalization of grammar history of Portuguese language on the relation to the languages named as foreign, constitutes, in the Brazilian imaginary, as the necessary foreign language to be taught increasingly early, allowing many English language course for children to arise and to stabilize themselves in the country. We show in our research, based on the Discourse Analysis theory and on the History of the Linguistics Ideas, that the "the sooner, the better" argument is sustained by a net of significance in which the scientific, the globalization and the market discourses act. Such process allows the subject, immersed in such English language teaching for children discursive space (parents, students, teachers, managers, administrators), to work on the evidence of "the sooner it is started the English teaching as a foreign language - by scientific reasons -, the sooner it is guaranteed the financial and personal success of a subject in the global society", what enables him/her to contrast from the others, subjugating them. In our research, besides following the institutional courses about the English language as a foreign language in Brazil, we seek to understand how these discourses are put into circulation by three language teaching centers in the country. Thereby, we (i) trace some of the production conditions that took to this practice, from the beginning of the foreign language teaching in colony-Brazil until the current legislation that standardizes this teaching; (ii) show the historic process that took English to the power language position on the current world relations, enabling the imaginary configuration of English as a global language; and (iii) analyze the institutional discourse as well as the advertising campaigns of three language teaching centers in Brazil in order to understand the meanings of English language and childhood present in those sayings and the discourses that sustain them
Subject: Língua inglesa
Educação de crianças
Análise do discurso
Ideias linguisticas - História
Globalização
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2013
Appears in Collections:IEL - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Parma_AlanFebraio_M.pdf2.06 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.