Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/270350
Type: TESE
Title: O discurso quotidiano no CCA- Centro de Convivencia de Afasicos (IEL/UNICAMP)
Author: Camerin, Ida Maria Piovesan Dal Pozzo
Advisor: Morato, Edwiges Maria, 1961-
Abstract: Resumo: Este estudo dedica-se à descrição da conversa quotidiana e à análise do discurso quotidiano no Centro de Convivência de Afásicos, localizado no espaço físico do Instituto de Estudos da Linguagem (IEL), da Universidade Estadual de Campinas. Este trabalho tem como objetivo mostrar que o discurso quotidiano não se apaga frente à afasia, ao contrário, está presente nas atividades desenvolvidas no Programa de Linguagem do CCA, cujos recursos metodológicos (o uso de agenda individual e coletiva, bem como a retomada conjunta do noticiário da semana), contribuem decisivamente na construção tanto de um quotidiano, quanto de um discurso quotidiano do próprio Centro.O CCA é um espaço de interação entre pessoas afásicas e não afásicas que surgiu em 1990, não apenas para dar assistência clínico-terapêutica a sujeitos afásicos a partir de uma abordagem clínica e reabilitadora diferente dos moldes tradicionais, mas também desenvolver atividades de ensino, pesquisa e docência nos estudos entre linguagem, cérebro e cognição.Sirvo-me, na orientação teórica deste trabalho, da concepção enunciativo-discursiva de conversa quotidiana proposta por Mattos (1998:15), segundo a qual a conversa é um ato social materializado pelo discurso enquanto prática social que mantém em funcionamento ¿as relações interpessoais , isto é, ela não se dá ¿em vão¿, mas para estabelecer, conservar, transformar as relações entre amigos, parentes, fregueses, conhecidos e desconhecidos, etc¿. Sendo a conversa quotidiana o lugar de transformações das relações entre sujeitos, ela parece transformar as relações dos sujeitos presentes no espaço discursivo do CCA, numa espécie de comunidade de fala. Essa transformação ocorre através da formação do ¿common ground¿, ou seja, o lugar comum que leva os sujeitos a terem uma identificação enquanto grupo social. No caso do CCA, é provável que o ¿common ground¿ seja instituído pelo discurso quotidiano, que é propriamente a prática em comum dos sujeitos no espaço de interação e convivência do Centro

Abstract:This study is about the description of the quotidian conversation and the analysis of the quotidian discourse at ¿Centro de Convivência de Afásicos¿, located in the physical space of ¿Instituto de Estudos da Linguagem¿ (IEL), from ¿Universidade Estadual de Campinas¿. This work has the objective to show that the quotidian discourse doesn¿t disappear to the aphasia, on the contrary, it is present in the activities developed in the language program of ¿CCA¿, whose methodological resources, (the usage of individual and collective agenda as well as the joint resumption of the weekly news), contribute decisively to the construction of either a quotidian and a quotidian discourse of the own Center.¿CCA¿ is a space for interaction between aphasic and non-aphasic people, created in 1990, not just to give clinical and therapeutic assistance to the aphasic through a clinical and rehabilitative approach different from the traditional patterns, but also to develop teaching activities, research and teaching in the studies involving the language, the brain and the cognition. I make use of the proposition and discursive conception of quotidian conversation, in the theoretical orientation of this work, proposed by Mattos (1998:15), according to whom conversation is an act materialized by the discourse while social practice that makes the interpersonal relations go on in operation, that is, it doesn¿t show up for no reason, but to establish, maintain, transform the relations among friends, relatives, customers, acquaintances and non-acquaintances, etc. For the quotidian conversation is a place for transformation of relations among subjects, it seems to transform the present subjects¿ relations in the discursive space of ¿CCA¿, in a kind of speaking community. This transformation occurs through the ¿common ground¿ formation, that is, the common place that leads the subjects to have identification as a social group. In the case of ¿CCA¿, it is probable that the ¿common ground¿ will be instituted by the quotidian discourse, that is exactly the subjects¿ common practice in the conviviality and interactive space in the Center
Subject: Neurolinguística
Afasia
Interação social
Conservação
Comunidade
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2005
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Camerin_IdaMariaPiovesanDalPozzo_M.pdf279.16 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.