Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/270328
Type: TESE
Title: Para uma arqueologia da ação tragica : a dramatização do tragico no teatro do tempo
Author: Luna, Sandra
Advisor: Sperber, Suzi Frankl, 1939-
Abstract: Resumo: Este trabalho investiga o conceito de ação na dramaturgia trágica, revisitando uma tradição que se origina na Grécia Antiga, berço da tragédia, e que se estende inquestionada até meados do século XX, quando a pós-modernidade lança seu desafio à racionalidade, à subjetividade e ao conhecimento conceitual, pressupostos fundamentais à teorização sobre a ação. Considerando, por um lado, a contribuição dessa nova visada critica aos estudos literários, por outro, a dificuldade de se escapar a essas mesmas categorias que os pensadores pós-modernos tentam desconstruir, a pesquisa se desenvolve através de uma articulação metodológica que aproveita idéias e conceitos formulados pelos pensadores do drama, confrontando-os com leituras próprias de "fontes primárias" e com informações de caráter histórico, literário, filosófico, antropológico, epistemológico, entre outras. Dessas negociações emerge um quadro conceitual cuja rentabilidade teórica é finalmente aferida em um corpus interdisciplinar, composto de uma peça da dramaturgia trágica - A Streetcar Named Desire, de Tennessee Williams, e suas adaptações fílmicas, uma dirigida por Elia Kazan em 1951, a outra por Glenn Jordan em 1995. Situado esse corpus fora dos limites históricos da trajetória que inspirou os conceitos e as hipóteses formuladas como fundamentos estruturais da ação trágica, a verificação da permanência e da validade desses conceitos na análise das obras legitima a própria orientação metodológica da pesquisa, assim como referenda a tese que, de hipótese em hipótese, se constrói ao longo do percurso. Ao final do trabalho, confirma-se que a dramaturgia trágica ocidental se estrutura como uma estratégia poética de racionalização, um gênero que se esforça por impor uma lógica causal àquilo que, no limite, é inexplicável e inescrutável: o trágico destino humano

Abstract: This work investigates the concept of action in tragic drama, revising a tradition originated in Ancient Greece, birthplace of tragedy, a tradition which extends itself up to the middle of the twentieth century, when representatives of the so-called "post-modem" thought defy exactly the premises upon which this dramatic tradition was built up -rationality, subjectivity and the bases of conceptual knowledge. Considering, on one hand, the contributions of these new critical trends to literary studies, on the other, the difficulties to escape the categories post-modern thinkers try to "deconstruct", this research develops through a methodological articulation based on a permanent evaluation of the concepts and ideas proposed by the theoretical tradition in the light of personal readings of " primary sources" and other - historical, literary, philosophical, anthropological, epistemological sources of information. From these negotiations a set of conceptual elements emerges as the fundamentals of tragic drama, its validity being asserted through the analysis of an interdisciplinary corpus, composed of a twentieth century drama (A Streetcar Named Desire, by Tenessee Williams) and its two filmic adaptations (one by Elia Kazan, from1951, the other by Glenn Jordan, ITom 1995). Because the play and its adaptations are situated out of the historical boundaries of the investigative trajectory which inspired the concepts and the hypotheses formulated as the fundamentals of tragic action, the verification of the permanence and validity of these concepts in the analyses of the corpus not only asserts the methodological orientation of the research, but also legitimizes the thesis which, from hypothesis to hypothesis, was built up. At the end of the work, occidental tragic drama is proclaimed as a poetical strategy of rationalization, a geme which imposes a causal logic to what is, in its limit, inexplicableand inscrutable- the tragic destiny of human beings
Subject: Williams, Tennessee, 1911-1983
Tragédia
Teatro grego (Tragédia)
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2002
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Luna_Sandra_D.pdf23.73 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.