Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/270316
Type: TESE
Title: A imagem poetica em Alphonsus de Guimaraens : espelhamentos e tensões
Author: Ricieri, Francine, 1968-
Advisor: Franchetti, Paulo, 1954-
Franchetti, Paulo Elias Allane, 1954-
Abstract: Resumo: Esta tese tem por objeto a poesia de Alphonsus de Guimaraens (1870-1921). Analisando recortes temáticos feitos em sua obra, procurou observar a constituição de imagens recorrentes nesta escrita, com destaque para os processos de reflexão metapoética que a acompanham e definem, na problematização do próprio estatuto do escrever. Considerado um sujeito poético constituído a partir de desdobramentos internos e tensões insuperáveis, a imagem poética é descrita enquanto processo constante de autoespelhamento e reflexão. Motivos míticos e literários são valorizados como especialmente favoráveis à observação das partições desta lírica, que se vale também da leitura de textos outros, cujas imagens distorce e recria espelhando na constituição de sua própria escrita/leitura. Leituras poéticas de Gaston Bachelard (que sugeriu uma certa androginia promovida pela palavra poética) são evocadas como paralelas a análises que almejam decompor o tom melancólico dominante nesta lírica em indicadores de uma mítica reminiscência androgínica, em que a um perdido equilíbrio nirvânico contrapõem-se instabilidades, angústias, desespero e a Palavra erotizada enquanto infinitude de tudo o que este universo representa desejante. Simultaneamente evocando Hamlet e o sujeito de "O corvo" (poe), o primeiro capítulo explora imagens do poema "A cabeça de corvo", cujo sujeito poético, às voltas com disperso non-sense, define-se por sua paralisia e inação ¿próprias ao ato de escrever. O segundo capítulo, centrado nas variantes de poema intitulado "Ofélia", persegue as metamorfoses em que a musa shakespeareana é acionada para constituir o que, nesta poética, enforma a escrita enquanto fluxo e movimento. Ofélia e Hamlet (duplos atualizados em outras imagens) são tomados então como base para a análise das nuances em que se formalizam as oscilações entre os excessos do corpo desejante palavra e a quietude inalcançável do silêncio: da exclusão social da escrita às resistências do sujeito poético com ela confrontado

Abstract: Not informed.
Subject: Guimaraens, Alphonsus de, 1870-1921 - Crítica e interpretação
Literatura brasileira - Séc. XIX
Poesia brasileira
Simbolismo (Literatura)
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2001
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Ricieri_Francine_D.pdf6.58 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.