Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/270003
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Uma introdução ao estudo do modernismo no Rio Grande do Norte
Author: Araújo, Humberto Hermenegildo de
Advisor: Simon, Iumna Maria, 1943-
Abstract: Resumo: Apresentação de um levantamento de dados sobre as repercussoes do movimento modernista no Rio Grande do Norte, relacionando-as com o movimento cultural da região Nordeste do Brasil, nos anos 20. Na análise dos dados, destacam-se as figuras de Luís da Câmara Cascudo, pela sua ação cultural, e de Jorge Fernandes, pela sua produ¬çao poética, o que faz com que sejam os dois considerados os principais representantes da vanguarda artístico-cultural dos anos 20 em Natal, capital do Estado. O estudo parte de uma leitura sobre o conceito de "Modernismo" estabelecido por Antonio Candido e da lei tura de análises sobre a presença do regionalismo e do modernismo na região Nordeste, para, com base no levantamento de dados realizado em dois jornais natalense dos anos 20, A Imprensa e A república, constatar que também no Rio Grande do Norte houve uma reno¬vação cultural na década de 20, o que se revela nas repercussoes literárias do regionalismo e do modernismo. A renovação cultural é contextualizada na sociedade potiguar do início do século, com o objetivo de articular a visão histórica em geral com o estudo da história da literatura e, além disto, articular a história com a análise da estrutura artística presente no principal produto literário do período estudado, o Livro de Poemas de Jorge Fernandes. A pesquisa realizada constata que a presença da pregação regionalista no Rio Grande do Norte, naqueles anos, pode ser considerada mais como uma tendência enraizada na cultura local do que como um movimento organizado. Diferentemente, o movimento modernista aparece corno um movimento organizado, sob a liderança de Luís da câmara Cascudo. Este movimento tem com expressão mais significativa o Livro de Poemas (1927), que representa urna mudança na forma de produção e de recepção de um produto literário na província potiguar. A sua forma poética é o resultado do imbricamento de registros poéticos que se revelam através das temáticas da modernidade, da reminiscência e da temática regional. O peso maior da temática regional faz com que o elemento regional entre corno dominante construtiva na estrutura do livro, o que o coloca corno fundamental na constituição de um novo registro poético na literatura brasileira, denominado de "brasilidade... nordestina". Este novo registro surge da interferência de registros sob a dominante da poetização da realidade nordestina, e é um dado novo para o estudo da literatura brasileira, vinculado à questão da "dialética do localismo e do cosmopolitismo" e, especificamente, ao estudo do movimento modernista na região Nordeste

Abstract: Not informed.
Subject: Modernismo (Literatura brasileira)
Arte e literatura
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: ARAÚJO, Humberto Hermenegildo de. Uma introdução ao estudo do modernismo no Rio Grande do Norte. 1991. 191f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Estudos da Linguagem, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/270003>. Acesso em: 13 jul. 2018.
Date Issue: 1991
Appears in Collections:IEL - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Araujo_HumbertoHermenegildode_M.pdf5.23 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.