Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269989
Type: TESE
Title: Da rosa do povo a rosa das trevas : classicismo, melancolia e cosmovisão tragica na lirica de Drummond (1948-1951)
Author: Camilo, Vagner
Advisor: Arêas, Vilma Sant'Anna, 1936-
Abstract: Resumo: A presente tese ocupa-se do exame específico da guinada classicizante operada na lírica de Carlos Drummond de Andrade no pós-guerra, prenunciada pela antologia de 1948, intitulada NovosPoemas e configurada plenamente em Claro Enigma (1951). O alcance dessa guinada foi e tem sido objeto de polarização da crítica, que, frequentemente, tendeu a uma apreciação pouco valorativa, quando confrontada com a poesia social de A Rosa do Povo (1945) ou mesmo com a poesia objetual de Lição de Coisa (1961). Essa tendência parece decorrer seja da desconsideração para com as articulações mais íntimas e sempre dialéticas que unem o pessimismo e o formalismode Claro Enigma a certas especjficidades do conexto político e estético dos anos 40-50; seja da incompreensão frente à reapropriação drummondiana do legado "clássico", que nada tem de regressiva ou restauradora, como se costuma supor. Em virtude disso,a presente abordagem visa retomar tais articulações e examiná-las mais detidamente, elegendo, para tanto, duas balizas históricas que"parecem atuar de forma mais decisiva nessa viragem poética. De um lado, o neoclassicismo e o formalismo do livro são vistos em relação a um momento marcado,entre nós pela crescente especializaçãodo trabalho artístico. De outro, a frustração do projeto lírico-participante dos anos 40 e o pessimismo social dominante na obra são vistos como decorrência do radicalismo ideológico do PCUS no pós-guerra, que levaria à imposição do nalismo socialista como padrão artístico a ser seguido à risca, de acordo com a orientação jdanovista proveniente da matriz soviética

Abstract: Da rosa do povo à rosa das trevas examines both neoclassicism and melancholyin Carlos Drummond de Andrade's lyrical work during the fifities, especially in Novos poemas (1948) and Claro enigma (1951), as seen in the context of growing artistic specialization together withthe cultural politics ofPCB in the years after the Second World War. The analysistakes up the prose of Passeios na ilha (1952), read as a kind of commentary on the poetical work during the same period
Subject: Andrade, Carlos Drummond de, 1902-1987
Poesia brasileira
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1999
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Camilo_Vagner_D.pdf39.24 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.