Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269739
Type: TESE
Title: Texto e interação : subsidios para uma pedagogia critica de leitura em lingua inglesa
Author: Brahim, Adriana Cristina Sambugaro de Mattos
Advisor: Busnardo Neto, Joanne Marie Mccaffrey, 1943-
Neto, Anne Marie McCaffrey Busnardo
Abstract: Resumo: Esta investigação foi realizada através de um estudo de auto-observação em sala de aula, de cunho etnográfico, orientado por reflexões teóricas sobre concepções de letramento e leitura crítica e tipos de interação pedagógica. O principal objetivo foi avaliar os efeitos de vários tipos de estratégias pedagógicas interacionais para a concretização de uma pedagogia crítica de leitura em língua inglesa e, principalmente, investigar e descrever as características da interação professor-alunos-texto que melhor promovem a co-construção da reflexão crítica e a conscientização dialógica. Para isso, o estudo foi teoricamente embasado por tendências interacionistasneo-vygotskianas que serviram de subsídios centrais para as análises. As análises mostraram que - contrariamente ao que determinadas visões pósestruturalistas da sala de aula de leitura defenderiam - a intervenção do professor na aula de leitura crítica não é sempre negativa nem autoritária; pode se dar de maneira monológica ou de maneira dialógica. Observou-se que os obstáculos à conscientização dialógica não se limitam ao papel centralizador do professor na interação; são também fiuto da insegurança do professor frente ao trabalho de co-construção. Concluiu-se que é de fundamental importância para uma teoria da conscientização dialógica a compreensão dos recursos interacionais que promovem a interpretação situada, na qual o universo de experiência dos alunos é trazido para o trabalho de co-construção e desvelamento

Abstract: This investigation - and ethnographic, self-observation study carried out in an English language classroom - is supported by theories of literacy and critical reading and by views of pedagogical interaction. The main objectives are to evaluate the effects of different kinds of interactional strategies on the teaching of critical reading, and to investigate and describe the characteristics of the teacher-students-text interaction that most promote the co-construction of critical reflection and dialogical consciousness-raising. To this end, the study draws on Neo- Vygotskian theories of social interactionism, which provide the principal instruments of analysis. The analyses showed that - contrary to what certain post-structuralist views ofthe reading classroom would predict - the teacher' s intervention in the critical reading classroom is not always negative and authoritarian. It can take place in either a monological or in a dialogical way. This study suggests that the centralizing role of the teacher during the interaction is not the only obstacle to a dialogical consciousness raising; the teacher's insecurity vis-à-vis the work of coconstruction is another important obstacle. The thesis concludes that any theory of dialogical consciousness raising must take into account the role of interactional resources that promote situated interpretation, in which the student reader's universe of experience is brought to bear on the work of co-construction and "unveiling"
Subject: Leitura
Interação social
Conscientização da linguagem
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2002
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Brahim_AdrianaCristinaSambugarodeMattos_M.pdf9.95 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.