Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269732
Type: TESE
Title: Uma abordagem tradutoria para a leitura de textos literarios em lingua estrangeira : a experiencia de "O corvo", de Edgar Allan Poe
Author: Brunelli, Evanir
Advisor: Sabinson, Eric Mitchell, 1949-
Abstract: Resumo: Partindo da tentativa de se caracterizar o que é leitura e o que é tradução para aquele que traduz, esta dissertação analisa os processos de leitura e de tradução de um poema de Edgar Allan Poe - "The Raven" - empreendidos por quatro alunos brasileiros de leitura em língua estrangeira (LE). O principal objetivo da experiência é o de apontar e discutir as semelhanças e as diferenças entre leitura e tradução dentro da atuação desses alunos no momento em que a tradução de textos literários foi incluída num processo pedagógico inicialmente voltado apenas para a leitura de textos dissertativo-argumentativos. A tradução, assim, foi utilizada como procedimento adicional de condução dos alunos para a atribuição de sentido dos textos lidos. Em tomo disso, discute-se se essa inserção da tradução pode funcionar como veículo facilitador do processo de leitura em grupos de alunos que não pretendem se tomar tradutores profissionais. Busca-se, ao mesmo tempo, encontrar pistas sobre se é possível promover a transformação da aula de leitura em LE em espaço propício para a formação de tradutores. Por envolver a tradução, a construção do sentido pressupõe, para este estudo, o uso da língua materna do aluno como ponto-chave para que o texto escrito em língua estrangeira possa existir ideologicamente para aquele que o lê. Deste modo, a discussão inicial deste trabalho inclui o estudo das relações entre leitura, tradução e interpretação. Voltada para uma situação de ensino de leitura em LE e de tradução, a análise busca examinar as práticas mais comuns de decodificação de textos presentes em sala de aula, mostrando como tais práticas impossibilitam a transformação do leitor e do tradutor em sujeitos de sua leitura, uma vez que ambas, tradução e leitura, são práticas criativas por excelência e, por isso, não podem abrigar concepções mecanicistas de linguagem. A partir dessa experiência com alunos leitores de inglês para propósito específico, este estudo pretende mostrar que cursos de inglês instrumental, voltados essencialmente para a leitura de textos dissertativo-argumentativos, podem experimentar um aumento importante da capacidade do aluno de desenvolver um sentido de apreciação sobre aquilo que se lê, quando se observa a inclusão da tradução de textos literários no processo. Assim, a apreciação sobre aquilo que se lê significa, neste trabalho, mais do que a mera compreensão do material lido. Finalmente, este estudo pretende mostrar como a tradução, quando concebida como uma profunda modalidade de leitura, pode fazer do simples leitor um sujeito de seu trabalho de interpretação e de construção do significado

Abstract: In an attempt to characterize the relationship between reading and translation for the one who translates, this dissertation analyzes the performance of four Brazilian students in reading and translating Edgar Allan Poe's poem "The Raven". The aim ofthe experience is to point out similarities and differences between reading and translation within the action of students as they translated a literary text when the pedagogical procedures were initially devoted solely to the reading of technical texts. Translation was therefore included in order to improve the sensation, on the part of students, of having understood the text. Moreover, it is a supposition of this study that sense is constructed. The use of translation is discussed in terms of whether it makes the process of reading easier for the English as a foreign language student when the text is effectively translated into the students' mother tongue instead of being only read. Because it involves translation, the construction of sense views the mother tongue as a key point for the ideological existence of the text. Then, the present study analyzes the concepts of reading and translation along with the concept of interpretation. This study also tries to find c1ues whether it is possible to foment the transformation of a reading class into a favourable space for the formation of translators. Therefore, not only reading, but also translation should permit the foreign language text to exist ideologically for a student. The most common practices of textual de-codification, as they appear in the classroom, are shown as practices that make impossible the transformation of the reader and of the translator into authors of their reading acts. Both translation and reading are creative praetiees par e:xcellenceanel,consequent1y,they eannot bear meehanistie conceptions of the reading process. In our view, even ESP courses, essentially devoted to the reading of so-called teehnical texts, may obtain noticeable improvements in student capacity to develop an appreciative sense about what he or she reads, once literary text translation is included in the curriculum. This study intends to show how translation, when conecived as a far-reaching reading modality, ean turn simple readers into the subjects of their interpretation of texts
Subject: Tradução e interpretação
Linguística aplicada
Língua inglesa - Estudo e ensino
Leitura - Estudo e ensino
Liguagem - Estudo e ensino
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1999
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Brunelli_Evanir_M.pdf27.17 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.