Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269688
Type: TESE
Title: Inglês nos anos iniciais do Ensino Fundamental público : de representações de professores a políticas linguísticas
Title Alternative: English language in early years of public Basic Education : from teachers representations to language policies
Author: Vicentin, Karina Aparecida, 1979-
Advisor: Maher, Terezinha Machado, 1950-
Abstract: Resumo: O objetivo da pesquisa descrita nesta dissertação de mestrado foi refletir acerca das políticas linguísticas de ensino de língua inglesa para os anos iniciais do Ensino Fundamental I público, considerando, para tanto, representações presentes em discursos de dez professores de inglês que atuam nesse contexto de ensino na cidade de Campinas, São Paulo e o documento Diretrizes Curriculares de Língua Inglesa dos Anos Iniciais, por eles sistematizado e elaborado. A pesquisa em questão é de base qualitativa interpretativista e se insere na área da Linguística Aplicada. A investigação foi dividida em três etapas. A primeira incluiu a definição do tema da pesquisa, a escolha do arcabouço teórico geral e a revisão de autores relevantes presentes na literatura especializada, com especial ênfase naqueles que tratam de políticas linguísticas; do papel de professores como policy makers; e de questões específicas do ensino de Línguas Estrangeiras para Crianças (LEC). Na segunda etapa, foi definido o cenário da pesquisa e o processo de geração de dados, os quais foram coletados em entrevistas semiestruturadas individuais com os professores participantes da investigação e em notas de diários de campo de encontros de formação continuada da Secretaria Municipal de Educação de Campinas. Na terceira etapa, procedi à análise dos registros gerados na fase anterior. As perguntas de pesquisa que orientaram a análise dos dados foram: 1) Que representações, acerca da política de ensino da Língua Inglesa nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental I Público de Campinas, estão presentes nos discursos dos professores de Língua Inglesa entrevistados? e 2) De que forma esses discursos ecoam os discursos presente nas Diretrizes Curriculares dos Anos Iniciais de Língua Inglesa do mesmo município, ou a eles se contrapõem? Os resultados da pesquisa empreendida indicaram, entre outras questões, que, embora os professores de língua inglesa entrevistados tenham atuado como policy makers de um modelo de política linguística ascendente, eles não se reconhecem, ou parecem ainda não ter consciência do seu papel no estabelecimento dessas políticas. Além disso, as representações encontradas nos discursos desses professores são condizentes, em alguns momentos, com os pressupostos e as orientações do documento que sistematizaram e elaboraram mas, em outros, se contrapõem aos mesmos. A análise dos dados demonstrou, além disso, que, para que seja possível a implementação efetiva do ensino da língua inglesa na matriz curricular oficial dos anos iniciais do Ensino Fundamental, é necessário haver um modelo de política linguística específico para LEC que seja, por mais paradoxal que isso possa parecer, ao mesmo tempo, ascendente e descendente. A expectativa é que este trabalho possa contribuir para promover reflexões acerca de políticas de ensino de LEC, tanto no contexto pesquisado, quanto em outros semelhantes

Abstract: The aim of the research described in this dissertation was to reflect upon the language policies of the English language teaching in the early years from public Basic Education, taking into account representations in the discourses produced by ten English teachers who work in this teaching context in Campinas, São Paulo and the document English Language Curriculum Guidelines for Early Years, which was written by them. This was a qualitative/interpretative based research study in the area of Applied Linguistics. The investigation was divided into three stages. The first one included the definition of the research theme, its general theoretical foundation and a review of relevant published work with special emphasis on authors who discuss language policies; teachers' role as policy makers; and specific issues related to Foreign Languages for Young Learners. In the second stage the research scenario and data generation process were defined, which were collected in individual semi-structured interviews with the teachers who participated in the investigation and in field notes diaries during the professional development meetings from Secretaria Municipal de Educação de Campinas. In the third stage, the generated data from the previous stage were analyzed. The research questions which guided the data analysis were: 1) Which representations, concerning the English language teaching policies in the Early Years from public Basic Education in Campinas, are in the discourses produced by the English teachers who were interviewed? and 2) In which ways these discourses echo the discourses from the English Language Curriculum Guidelines for Early Years document from the same city, or oppose to them? The results of the investigation indicate, among other issues, that although the English teachers who were interviewed acted as policy makers in a bottom up model language policy, they do not recognize themselves or do not have consciousness of their role in establishing these policies. Furthermore, the representations found in the teachers' discourses agree, in some moments, with the document assumptions and orientations, which was written by them, but in other moments these discourses oppose to the discourses in the Guidelines. The data analysis demonstrated that it is necessary to have a specific language policy model for Foreign Language Teaching for Young Learners, which is supposed to be, at the same time, bottom-up and top-down, so that an effective implementation in the English language teaching in the early years curriculum can be made possible. The expectation is that this research can contribute to promote reflections upon the Foreign Language for Young Learners teaching politics, not only in the context from this research but in others as well
Subject: Lingua inglesa - Estudo e ensino - Falantes de portugues
Ensino fundamental
Política linguística
Diretrizes curriculares
Professores de ensino fundamental - Formação
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2013
Appears in Collections:IEL - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Vicentin_KarinaAparecida_M.pdf1.45 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.