Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269680
Type: TESE
Title: O papel da intertextualidade na construção da leitura critica
Author: Almeida, Ana Lucia de Campos
Advisor: Terzi, Sylvia Bueno, 1940-
Abstract: Resumo: Norteado por uma concepção de linguagem bakhtiniana e, tomando conceitos da Psicologia Cognitiva, da Lingüística Textual e da Análise Critica do Discurso que, conjugados, permitem considerar a leitura uma atividade sócio-cognitiva-discursiva, este trabalho de pesquisa teve como objetivo investigar o papel da intertextualidade na compreensão critica de textos argumentativos na leitura de uma turma de alunos concluintes do ensino fundamental em uma escola pública. Os dados foram obtidos durante uma intervenção pedagógica, uma forma de pesquisa-ação, que visava permitir a construção de uma base de conhecimento intertextual a ser mobilizada pelos leitores no processo de construção de sentidos. Posteriormente, procedeu-se à comparação desses dados com aqueles obtidos através de avaliação diagnóstica inicial e com dados provenientes de outra turma de alunos do mesmo nível de escolaridade, não-participante da intervenção. Os resultados permitem concluir que a construção de uma base de conhecimento intertextual, operacionalizada mediante a apreensão do gênero, da intertextualidade de conteúdo e do contexto sócio-histórico, constitui-se em um fator determinante para a ampliação da competência em leitura de textos argumentativos, propiciando o desencadeamento do processo de leitura critica. Em termos de implicações pedagógicas, os resultados desta pesquisa evidenciaram a relevância de se trabalhar com uma abordagem intertextual nas práticas de leitura em sala de aula com o propósito de propiciar o desenvolvimento de leitores críticos

Abstract: This research work is intended to investigate the importance of intertextuality in e critical reading of argumentative texts produced by a group of sudents who were conc1uding the elementary course at a public school. It is based on a Bakhtinian view of language, considering its dialogic and socio-historical constitution; it also takes concepts from Cognitive Psychology, Text Linguistics and Critical Discourse Analysis, assuming reading as a socio-cognitive-discoursive activity. Data were collected during a pedagogical intervention, a kind of action research, that aimed at building an intertextual basis which is believed to help the students to build meanings in their reading. Then, these data were compared twice: firstly, they were compared to some data obtained from the same group of students, in a reading task before the intervention; and secondly, they were compared to some data obtained from another group of students, who had not taken part in the intervention, in a reading task. The results show that the construction of an intertextual basis favoured the production of the critical reading of argumentative texts by enabling the students to aprehend the discourse gender, the thematic intertextuality and the socio-historical context. In terms of pedagogical implications, these results point out the relevance of adopting an intertextual perspective concerning the development of reading practices at school in order to construct critical readers
Subject: Leitura
Estudo e ensino
Interextualidade
Compreensão na leitura
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1999
Appears in Collections:IEL - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Almeida_AnaLuciadeCampos_M.pdf4.49 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.