Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269649
Type: TESE
Title: O ensino de língua portuguesa : usos do livro didático, objetos de ensino e gestos profissionais
Title Alternative: Portuguese language teaching : uses of textbook, teaching objects and professional gestures
Author: Oliveira, Márcia Andrea Almeida de, 1979-
Advisor: Rojo, Roxane Helena Rodrigues, 1952-
Abstract: Resumo: Essa tese se insere na área de Linguística Aplicada e procura integrar três dimensões essenciais para se compreender o uso do Livro Didático de Língua Portuguesa: os objetos de ensino, as ferramentas do professor e os gestos profissionais. Tem como objetivo descrever, analisar e compreender como as professoras dos 6º e 9º anos apropriam se dos livros didáticos da coleção Tudo é Linguagem, adotada no triênio 2008-2010, em uma escola estadual da cidade de Belém. Neste trabalho, buscou-se (1) examinar as apreciações dos professores a respeito do manual adotado, levando-se em consideração o caráter ideológico do enunciado, o papel da linguagem na constituição social do sujeito (BAKHTIN, 1993 [1934]; 1997 [1953]); (2) investigar quais gestos didáticos é proposto pelo livro didático e aqueles implementados pelas professoras participantes da pesquisa, tomando-se como referência as reflexões sobre gesto (AEBY-DAGHÉ; DOLZ, 2008, SCHNEUWLY; DOLZ, 2009); e (3) verificar em que medida o uso do Livro Didático de Língua Portuguesa favorece a reconfiguração dos objetos de ensino em sala de aula (CHEVALLARD, 1991[1985], MARTINAND, 1986; 2001). Além disso, para se analisar os objetos dedetizados, ensinados e avaliados, bem como analisar os gestos didáticos implementados durante a construção do objeto de ensino em aula, recorreu-se à noção de ferramenta/megainstrumento (SCHNEUWLY, 2004 [1994]), às reflexões sobre tarefa (DOLZ et al., 2001), às noções de apropriação tecnológica (BAR; PISANI; WEBER, 2007, CARROL et al., 2003, CARROL, 2004) e à ideia de sedimentação das práticas (SCHNEUWLY; CORDEIRO; DOLZ, 2005). Para se alcançar os objetivos propostos usaram-se a metodologia qualitativa (LÜDKE; ANDRÉ, 1986) de cunho etnográfico (ANDRÉ, 1995) e se seguiu o princípio da triangulação dos dados e uma orientação interpretativista (MOITA-LOPES, 1994). Com base nessa fundamentação, descreveram-se e analisaram-se quatro unidades do livro didático, quatro cadernos de alunos e duas provas dos 6º e 9º anos, além de se descrever e analisar quatro entrevistas com as professoras dos 6º, 7º, 8º e 9º anos e as aulas observadas. A partir da análise desse corpus, verificou-se que o professor, ao ter o livro em mãos, não se depara com um conjunto fechado de atividades escolares e tarefas, mas o ressignifica de acordo com as suas apreciações sobre o material e as necessidades dos alunos. Observou-se também que esse instrumento materializa o objeto de saber por meio de textos e tarefas, ao mesmo tempo em que o elementariza, dirigindo a atenção do professor e do aluno para algumas das dimensões do objeto. Percebeu-se ainda que o livro didático analisado e as aulas de Língua Portuguesa passam por processos de sedimentação e continuidade das práticas de ensino (SCHNEUWLY; CORDEIRO; DOLZ, 2005). Além disso, notou-se que tanto nas práticas de ensino das professoras, quanto no livro há a implementação/proposição reduzida do gesto institucionalização (síntese e explicitação dos saberes didatizados e ensinados), sendo este último quase sempre vinculado aos objetos gramaticais, indicando assim que existe uma necessidade de melhor se explorar e se sistematizar os objetos discursivos e textuais

Abstract: This thesis is inserted in the area of Applied Linguistics and it seeks to integrate three essential dimensions in order to understand the use of Portuguese Language Textbooks: the teaching objects, the teacher's tools and the professional gesture. It aims to describe, analyze and understand how 6th and 9th grade teachers appropriate the collection of textbooks Tudo é Linguagem adopted between 2008 and 2010 in a secondary school in the city of Belém. In this work, we (1) review the teachers' assessments concerning the textbook adopted, taking into consideration the ideological nature of the utterance, the role of language in the social constitution of the subject (BAKHTIN, 1993 [1934]; 1997 [1953]); (2) investigate which didactic gestures are proposed by the textbook and those implemented by the teachers who participated in the research, having as a reference the reflections about gesture (AEBY-DAGHÉ; DOLZ, 2008, SCHNEUWLY; DOLZ, 2009); and (3) verify to what extent the use of the Portuguese Language Textbook favors the reconfiguration of teaching objects in the classroom (CHEVALLARD, 1991 [1985]; MARTINAND, 1986; 2001). Furthermore, in order to analyze the didactized, taught, and assessed objects, as well as to analyze the didactic gestures implemented during the construction of the teaching object in the classroom, we used the notion of tools/megatools (SCHNEUWLY, 2004 [1994]), the reflections about task (DOLZ et al., 2001), the notions of technological appropriation (BAR; PISANI; WEBER, 2007, CARROL et al., 2003, CARROL, 2004) and the idea of sedimented practices (SCHNEUWLY; CORDEIRO; DOLZ, 2005). As to achieve the proposed objectives, we used the qualitative methodology (LUDKE; ANDRÉ, 1986) through an ethnographic approach (ANDRE, 1995) and we follow the data triangulation principle and the interpretive orientation (MOITA-LOPES, 1994). Based on this methodological and theoretical framework, we described and analyzed four units of the textbook, four notebooks of students and two tests of the 6th and 9th grades, in addition to describing and analyzing four interviews with 6th, 7th, 8th and 9th grade teachers and their classes observed. From the analysis of this corpus we showed that, by having the textbook in their hands, the teachers do not face a closed set of school activities and tasks, but instead they (re)signify them according to their assessment of the material and the needs of students. We also observed that this instrument presents the teaching object through texts and tasks and points the elements of object, directing the attention of the teacher and the student to some of the dimensions of the object. We also realized that the textbook analyzed and the Portuguese language classes undergo processes of sedimentation and continuity of teaching practices (SCHNEUWLY; CORDEIRO; DOLZ, 2005). In addition to that, we noted that there is the use/proposition of the institutionalization gesture (synthesis and explicitness of taught and didactized knowledges) both in the teaching practices and in the textbook, which is almost always related to the grammatical object, indicating thus that it is necessary to better explore and systematize the discursive and textual objects
Subject: Livros didaticos - Língua portuguesa
Semiótica
Transposição didática
Professores - Formação
Prática de ensino
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2013
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Oliveira_MarciaAndreaAlmeidade_D.pdf28.74 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.