Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269573
Type: TESE DIGITAL
Title: O inglês no ENEM e na escola : práticas de dois professores do ensino médio
Title Alternative: English at ENEM and at school : practices of two high school teachers
Author: Avelar, Flávia Juliana de Sousa, 1974-
Advisor: Scaramucci, Matilde V. R., 1951-
Scaramucci, Matilde Virgínia Ricardi
Abstract: Resumo: O Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), inicialmente proposto como um exame diagnóstico, teve seu status e função modificados em 2009, momento em que se tornou um mecanismo único de acesso ao ensino superior, e, por isso, um exame de alta relevância para aqueles que pretendem ingressar em uma universidade pública federal. Apesar da relevância do exame, poucos estudos foram conduzidos para coletar evidências de sua influência sobre o ensino e a aprendizagem que os antecedem. São esses efeitos, denominados na literatura de efeito retroativo, que se pretende investigar neste estudo, especialmente aqueles da prova de inglês sobre as ações de dois professores no ensino médio. Através de uma metodologia qualitativa de cunho etnográfico, registros foram coletados em dois contextos de ensino distintos, ambos localizados na Região Metropolitana de Campinas, sendo um deles uma escola pública e o outro uma escola particular. Primeiramente, foram entrevistados dois professores de inglês e seus coordenadores de ensino. Visando a triangulação dos dados, esses registros foram complementados por dados de observação em sala de aula, gravados em áudio, enriquecidos com notas de campo feitas pela pesquisadora. Os alunos também responderam a um questionário. Os resultados desta investigação indicam que, apesar de o ENEM se configurar como um exame de entrada de alta relevância, a prova de inglês não exerce efeitos retroativos significativos sobre os ensinos dos dois professores colaboradores. Na escola pública, o ensino é conduzido a partir do material didático utilizado, os Cadernos de Inglês elaborados e distribuídos pelo estado de São Paulo, e não há preocupação em se preparar os alunos para o ensino universitário. Na escola particular, os vestibulares das universidades públicas do estado de São Paulo ainda continuam exercendo forte efeito sobre o ensino de inglês, especialmente devido ao material didático, a apostila elaborada pela escola. Nesse contexto específico, percebeu-se, ainda, que os vestibulares determinam a habilidade, o conteúdo, a profundidade e o ritmo de ensino, ou seja, efeito retroativo de natureza negativa e de intensidade forte. Por outro lado, pode-se determinar a natureza do efeito retroativo também como sendo geral, pois os alunos são preparados para os vestibulares das universidades públicas do estado. Os resultados desta pesquisa sugerem que a introdução de um exame de alta relevância não é suficiente para influenciar o que acontece em sala de aula e não provoca, necessariamente, efeito retroativo. Os resultados mostram, ainda, que o ensino de inglês na escola continua sendo construído com base em aspectos tradicionais de ensino de leitura e de avaliação, mostrando, mais uma vez, a interação do exame com aspectos relativos à formação do professor. Sinalizam, portanto, para a necessidade de mais discussões que tematizem a relação entre a prática de sala de aula de línguas estrangeiras e a avaliação, bem como a necessidade de se (re)pensar a base curricular de cursos de formação inicial e continuada de professores de línguas estrangeiras

Abstract: The Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM - High School National Exam), inicially proposed as a diagnostic test, had its status and function changed in 2009, when it became a mandatory high-stakes entrance examination for students who intend to enter public universities in Brazil. Despite its relevance, few studies have been carried out in order to gather evidence of its influences upon the teaching and learning which precede the exam. These influences are referred to as washback in the applied linguistics literature. Therefore, the objective of this research is to investigate the way in which the ENEM English test might influence the actions of two teachers, as far as aspects such as teaching reading and classroom assessment are concerned. Moreover, it is also the objective to investigate the nature of the effect of the ENEM English test upon the teaching of English during the two last years of high school. Using the qualitative methodology with ethnographic aspects, data was gathered in two different teaching contexts, a public and a private school, both placed in the Região Metropolitana de Campinas, RMC. For the data collection and aiming at data triangulation, besides the questionnaires which were answered by the students, the two teachers and their coordenators were intervewed. In order to complement data gathering, classes were audio recorded, observed, and field notes were taken by the researcher. Results show that, despite the fact that ENEM is a high- stakes standardized exam, its English test does not exert any washback upon the two teachers' practices. At the public school, teaching was constructed based on the text book used during classes with no intent to prepare students to enter an undergraduate course. At the private school, the vestibulares, entrance exams used by the public universities in the State of São Paulo, still exert a strong washback upon the English teaching, especially due to the text book, which materializes the vestibulares during classes. In this especific context, the vestibulares determine the skill, the content, the depth and the pace of teaching, exerting a strong and negative washback. However, the washback can also be classified as general, once students are prepared to enter the public universities in the state of São Paulo. As far as its contributions are concerned, despite not intending to have a generalizable character, the results suggest that the sheer introduction of a high stakes test does not change or influence what happens in class, nor does it necessarily bring about washback. The results also show that English teaching practice is still being built upon traditional aspects of foreign language teaching, assessment and reading, signaling for the necessity of more discussions on the relation between foreign language classroom practice and assessment, as well as the necessity of (re) thinking course syllabus for both pre service and in service foreign language teachers
Subject: Exame Nacional do Ensino Médio (Brasil)
Língua inglesa - Estudo e ensino (Ensino medio) - Falantes de portugues - Método comparado
Lingua inglesa - Exames, questões, etc.
Prática de ensino - Escolas Publicas - Campinas (SP)
Prática de ensino - Escolas particulares - Campinas (SP)
Efeito retroativo
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2015
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Avelar_FlaviaJulianadeSousa_D.pdf12.47 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.