Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269557
Type: DISSERTAÇÃO DIGITAL
Degree Level: Mestrado
Title: Avaliação da interação face a face no exame Celpe-Bras : as características dos elementos provocadores e a atuação dos examinadores-interlocutores
Title Alternative: Assessement of the face-to-face interaction in the Celpe-Bras exam : characteristics of prompts and examiner's performance
Author: Cândido, Marcela Dezotti, 1985-
Advisor: Scaramucci, Matilde V. R., 1951-
Scaramucci, Matilde Virginia Ricardi, 1951-
Abstract: Resumo: O exame Celpe-Bras avalia o uso da língua portuguesa para desempenhar ações no mundo. A avaliação da proficiência oral do exame é baseada em uma interação face a face, em que são usados elementos provocadores ¿ materiais constituídos de textos verbais e imagéticos ¿ que têm por objetivo estimular uma interação entre examinador-interlocutor e examinando sobre tópicos do cotidiano e de interesse geral, de forma que o examinando possa demonstrar sua proficiência oral em língua portuguesa. Com base em estudos sobre interação (TSUI, 1995; LYNCH, 1996; ALLWRIGHT e BAILEY, 1991) e em autores que se dedicam à avaliação de proficiência oral em contexto internacional (LAZARATON, 1996) e nacional (SAKAMORI, 2006), analisamos (a) os elementos provocadores e seus respectivos roteiros de interação face a face e (b) a atuação de cinco examinadores-interlocutores desse exame no uso de dois elementos provocadores durante as interações. Os resultados do estudo mostraram que há variações no conteúdo e extensão dos elementos provocadores e que os examinadores-interlocutores lidam com essas variações de forma diversa. As contribuições desta dissertação vão no sentido de oferecer subsídios para um entendimento mais aprofundado das variáveis que compõem a avaliação oral em exames de proficiência, para aprimoramento dos guias e manuais do Celpe-Bras, para a elaboração dos elementos provocadores e roteiros de interação face a face e para futuras capacitações dos examinadores da parte oral do exame

Abstract: The Celpe-Bras exam assesses the use of language to perform actions in the world. The exam¿s assessment of oral proficiency is based in a face-to-face interaction using prompts ¿ materials composed by verbal and imagetic texts ¿ whose aim is to stimulate an interaction between the examiner-interlocutor and the examinee regarding everyday topics of general interest, so that the examinee can demonstrate his oral proficiency in Portuguese. Based on studies of interaction (TSUI, 1995; LYNCH, 1996; ALLWRIGHT e BAILEY, 1991) and in authors who dedicate themselves to the assessment of oral proficiency in an international context (LAZARATON, 1996) and in national context (SAKAMORI, 2006), this investigation analyzes (a) the prompts and their respective scripts for face-to-face interaction and (b) the performance of five examiners-interlocutors using two prompts during the interactions. The results showed that there are variations in the prompts¿ content and length and that the examiners-interlocutors deal with these variations differently. The contributions of this dissertation is to provide a better understanding of the variables involved in the oral assessment in proficiency exams, and to help to improve the guidelines and manuals of the Celpe-Bras exam, to improve prompt¿s and face-to-face script development, and to upgrade future examiners qualifications in the oral part of the exam
Subject: Exame Celpe-Bras - Avaliação
Proficiência oral
Exames orais
Língua portuguesa - Estudo e ensino - Falantes estrangeiros
Lingua portuguesa - Exames
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2015
Appears in Collections:IEL - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Candido_MarcelaDezotti_M.pdf2.5 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.