Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269428
Type: TESE
Title: Crenças sobre o explicito construidas pelos aprendizes de um novo idioma
Title Alternative: Beliefs about the explicit build up by learners of a new language
Author: Madeira Lourenço, Fabio Fernandes
Advisor: Almeida Filho, José Carlos Paes de, 1948-
Filho, Jose carlos Paes de Almeida
Abstract: Resumo: Este trabalho traz uma discussão sobre o sistema de crenças construído por aprendizes de língua estrangeira a respeito do papel do enfoque explícito da gramática no processo de aprendizagem. Em termos gerais, investiguei aqui as concepções sobre essa questão construídas na vida escolar pregressa e o confronto dessas concepções com visões opostas: aquelas do ambiente dos cursos freequentados pelos participantes desta pesquisa e a maneira (explicita ou implicitamente) como as regras gramaticais são evocadas no momento da produção de texto escrito na língua-alvo. Inicio com uma explicação sobre a investigação das crenças na área de ensino e aprendizagem de línguas e mostro a relevancia dessa perspectiva de pesquisa. Em seguida, situo o leitor no contexto geral no qual esta pesquisa está inserida: cursos de inglês-língua estrangeira oferecidos na escola de extensão de uma grande universidade pública no estado de São Paulo. Apresento os cursos que serviram como fonte de dados para este trabalho de investigação, seus temas, participantes e a metodologia de pesquisa utilizada. Nos capítulos três e quatro apresento o arcabouço teórico sobre os dois principais tópicos deste trabalho. No capítulo três, discuto as dimensões sociais e psicológicas do processo de aprendizagem de língua estrangeira. Mostro como a discussão sobre a opção pela implicitação ou explicitação dos aspectos formais da língua-alvo vem sendo freqüentemente retomada por autores e pesquisadores da Lingüística Aplicada na área de ensino de línguas e segue em paralelo às discussões feitas em outros campos do saber: Ciências Sociais (Antropologia) e, principalmente, Psicologia Cognitiva. No capítulo quatro faço uma abrangente resenha sobre o tópico crenças. Aponto os principais fatores atuantes na formação das crenças e mostro como elas podem inflenciar o processo de ensino/aprendizagem de língua estrangeira. Os resultados mostram que as crenças sobre o papel do enfoque explícito na gramática variam de acordo com o nível de proficiência do alunos: iniciantes, intermediários e avançados. Dos três grupos, os aprendizes iniciantes são aqueles que mais valorizam o tratamento explícito dos aspectos gramaticais da língua-alvo. Essa valorização cai de forma acentuada entre os aprendizes de nível intermediário e volta a subir ligeiramente entre os aprendizes de nível mais avançado. Discuto esse movimento de (des)valorização do enfoque explícito na gramática da língua e atribuo essa visão diferenciada dos participantes a diferentes fatores, entre os quais o contexto da aprendizagem, o grau de conscientização do aluno sobre o processo de aprendizagem de línguas e a natureza das diferentes fases do complexo processo de aprendizagem de um novo idioma

Abstract: This study focuses mainly on the system of beliefs that learners of a foreign language build up about the role of the explicit focus on form in the learning process. In general terms, it investigates the beliefs formed during previous learning experiences and the confrontations of these beliefs with opposed visions: those in the evironment of the course in which they participated for this research, and if they verbalize the grammar rules explicitly or implicitly at the moment they write a text in the target language. I start with an explanation of the investigation of beliefs in the area of foreign language learning/teaching and show the significance of this research perspective for the area. Next I give the reader general information about this research context: foreign language courses offered by the Extension Program of a major public university in the State of São Paulo. I present the courses that served as data collection for this research, their themes and participants, and the research methodology used. In chapters three and four I present the theoretical framework of the two main topics in this study. In Chapter three I discuss the social and psychological dimensions in the learning process of a new language. I show how the discussion of the choice between implicit or explicit focus on the formal aspects of the target language is often called for discussion among authors and researchers in the area of foreign language teaching and follow the discussions in other areas such as Social Sciences (Anthropology) and, above all, in Cognitive Psychology. In chapter four I present a comprehensive review of the field of beliefs. I show the main factors underlying the formation of beliefs and how they can influence the learning process of a new language. The results of this research show that the beliefs about the role of the explicit focus on grammar vary according to the learners¿ proficiency level: beginner, intermediate and advanced. Of the three groups, it is beginners who most value the explicit focus on the grammatical aspect of the target language. This valorization diminishes considerably among the learners of intermediate level and increases slightly among the advanced learners. I discuss this (de)valuation movement and attribute this differentiated vision to several factors, including the context in which the learning occurs, the learners¿ degree of awareness of the learning process, and to the nature of the different phases of the complex process of learning of a new language
Subject: Língua estrangeira - Estudo e ensino
Crenças sobre a aprendizagem
Gramática
Aprendizes
Professores
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2006
Appears in Collections:IEL - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
MadeiraLourenco_FabioFernandes_D.pdf1.16 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.