Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269415
Type: TESE
Title: Tarefas problematizadoras e a construção do processo de aprendizagem de uma lingua estrangeira
Author: Agra, Maria Caridad Ginarte
Advisor: Almeida Filho, José Carlos Paes de, 1948-
Filho, Jose carlos Paes de Almeida
Abstract: Resumo: A presente pesquisa interpreta a interação que se obtém entre professor e alunos quando tarefas, e entre elas tarefas problematizadoras, são desenvolvidas em sala de aula dentro de um ensino de línguas com base em conteúdos, no nosso caso história dos Estados Unidos. 'A análise dos dados demonstrou como professor e ãIunos, mediados por um material didático flexível e questionador, construíram uma base de conhecimento comum, dentro de um quadro interativo e dialógico a partir do uso constante da língua inglesa para implementar tarefas problematizadoras. o processo garante quantidade de insumo compreensível, mas a qualidade da linguagem nos ambientes gerados pelas tarefas não é ainda do melhor padrão. Isso é compensado nos dados pela produção auto-iniciada que engendra sinais de maior autonomia discursiva nos aprendentes. A estrutura típica das tarefas problematizadoras depende de uma motivação que o fio temático propicia e depois sustenta num trabalho em pequenos grupos que desemboca numa exposição e debate em plenária dos grupos

Abstract: This piece of research focuses on the interaction that is obtained between a teacher and his students when tasks within them, "problematizing tasks" are implemented in foreign language teaching. The data collected showed how the teacher and students, mediated by a didactic material centered on the history of the United States, built a common dialogue that led to an interactive frame of active thinking in the target language. The "problematizing tasks" were just the result obtained from that environrnent. The process produced quantity of comprehensible input but the quality obtained in the environrnent generated by the tasks were not yet of the expected standard (optimal input). This was compensated by the frequent self-initiated output, which showed signs of a greater discursive autonomy on the students' side. The typical structure of the problematizing task was seen to depend at first on a motivation generated by the topic and then on plenty of small group work and finally ending on a plenary session presentation
Subject: Língua inglesa - Estudo e ensino
Aprendizagem
Atividades criativas na sala de aula - Manuais, guias, etc.
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2001
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Agra_MariaCaridadGinarte_M.pdf6.08 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.