Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269359
Type: TESE
Title: A gente não quer ser tradicional, mas... como e que faz, dai? : a inovação curricular e o debate popularizado sobre lingua portuguesa e ensino
Title Alternative: We don't want to be traditional, but... how shall we do it, then? : Curriculum innovation and the popularized debate about Portuguese language and teaching
Author: Dornelles, Clara Zeni Camargo
Advisor: Signorini, Inês, 1951-
Abstract: Resumo: Esta pesquisa se insere no campo da lingüística aplicada transdisciplinar de orientação crítica e etnográfica e resulta da busca pela compreensão das relações entre o debate popularizado sobre língua portuguesa e ensino e as demandas de inovação curricular ocasionadas pelo projeto de desenvolvimento e modernização do país. O problema de pesquisa foi articulado a partir da minha experiência enquanto formadora e professora de lingüística em um curso de Letras de uma universidade privada no interior de Santa Catarina. Um dos objetivos da tese foi analisar as condições sócio-históricas e políticas de produção do debate e sua relação com a demanda globalizante de inovação curricular. Para atingir esse objetivo, focalizei as obras produzidas, no período de 1997 a 2007, por dois dos protagonistas do debate: Marcos Bagno e Pasquale Cipro Neto. A análise do debate em escala nacional evidenciou que Bagno faz uso estratégico dos enquadres científico, polarizador, militante e pedagógico para construir autoridade ¿em nome da ciência¿, frente ao público em geral, e, mais recentemente, para analisar e propor políticas de educação lingüística, frente à academia e aos professores de língua portuguesa. Já Pasquale, faz uso dos enquadres científico, normativo e lúdico, para se aproximar da ciência e dos discursos oficiais de renovação do ensino e, assim, afastar-se da imagem de professor de português tradicional. Os resultados sugerem que, apesar dos esforços de Bagno por atuar no modelo polarizador, Pasquale constantemente desfaz as fronteiras entre lingüística e tradição gramatical popularizada, evidenciando que o debate se desenvolve em campos de forças e de lutas marcados por tensões para manter ou mudar a ordem e as hierarquias disciplinares. O outro objetivo da tese foi examinar a configuração da demanda por inovação no curso de Letras a partir de onde realizei minha investigação. Os dados para esta análise resultaram sobretudo do trabalho de campo realizado em 2003 e 2004, período em que o curso passava pela reforma de seu próprio currículo. Tal análise evidenciou que as forças produtoras da demanda local por inovação no estudo/ensino de língua portuguesa eram múltiplas: o mercado, a escola, o Estado, a divulgação científica e a mídia. A análise também mostrou que os agentes re/con/textualizam metadiscursos vistos como tradicionais, acionando os enquadres pedagógico e científico, para compatibilizar as tensões entre o novo e o velho no processo de construção de seus objetos de ensino. Nesse contexto, os conceitos e argumentos oriundos do debate nacional sobre língua portuguesa e ensino assumem valor específico, em função dos recursos disponíveis, das urgências institucionais e das relações locais de poder. Ainda que as mudanças institucionais se estruturem sobre demandas nacionais e oficiais, localmente as inovações nem sempre se configuram da forma como prevê o projeto acadêmico de esclarecimento ou de inovação respaldado pelo Estado

Abstract: This research was developed within the field of applied linguistics of critical and ethnographic orientation. It results from my search to understand the relations between the popularized debate about portuguese language and teaching and curriculum innovation demands. The research question was articulated to my experience as a teacher educator and professor of linguistics in the Curso de Letras in a private university in the interior of Santa Catarina. One of the objectives of the thesis was to analyze the historical, social and political conditions of production of the debate and its relations to the national demands for curricular innovation. This analysis focused the work of Marcos Bagno and Pasquale Cipro Neto, produced from 1997 to 2007. The analysis of the national scale debate showed that Bagno makes strategic use of the scientific, polarized, militant and pedagogical frames to construct authority ¿on the name of science¿, when interacting with the general public, and more recently, to analyze and propose language education politics, when interacting with the academic public and portuguese language teachers. Pasquale makes use of the scientific, normative and ludic frames, in order to approximate science and the official discourses on curricular innovation. This way he gets rid of the image of a traditional portuguese language teacher. The results suggest that, despite Bagno¿s efforts to act on the polarized model, Pasquale constantly pull down the borders between linguistics and the popularized grammatical tradition. The debate is developed within fields of forces and fights marked by tensions to maintain or change disciplinary order and hierarquies. The other objective was to examine the configuration of the innovation demands in the Curso de Letras that was my locus of research. I then found out that the local demands establish connections with national and international curricular politics, which are associated to politics of economical development and modernization of the country. The analysis also showed that the agents re/con/textualize metadiscourses seen as traditional within pedagogical and scientific frames, in a way to make the tensions between the new and the old converge. In this context, the concepts and arguments from the national debate about portuguese language and teaching assume specific values, because of the avaliable resources, the institutional urgencies and the local relations of power. In spite of the fact that the institutional changes are structured on national and official demands, locally, innovations are not always established the ways that are previewed by the enlightenment academic project or the state innovation project
Subject: Língua portuguesa - Estudo e ensino
Linguística
Ensino superior
Prática de ensino
Mídia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2008
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Dornelles_ClaraZeniCamargo_D.pdf1.33 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.