Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269296
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Relações diplomaticas oficiais de contato Brasil/Alemanha para a preservação do meio ambiente e da qualidade de vida : um estudo sobre os lugares de interlocução ocupados por brasileiros e alemães, a partir da configuração de necessidades especificas
Title Alternative: Official diplomatic contact relations between Brazil/Germany, in relation to partnerships for the protection and conservation of the environment and quality of life on Earth : a study about Brazilians and Germans interlocutory positions
Author: Assis, Ian Oliveira de
Advisor: Bolonhini, Carmen Zink, 1957-
Bolognini, Carmen Zink
Abstract: Resumo: A partir de postulados da Análise do Discurso tais como: Efeitos de verdade estão relacionados ao poder, estão estabelecidos discursivamente por ele e fora dele inexistem (Foucault, 1969); Todo sujeito fala a partir de lugares de interlocução constituídos discursivamente e ideologicamente definidos ¿ ou seja, todo sujeito é constituído pelo discurso e, ao falar, põe em movimento a memória e a história da sua cultura, da sua sociedade, do seu país (Orlandi, 1993); Há sempre um jogo de força na memória sob o choque do acontecimento: jogo que visa manter uma regularização pré-existente, com os implícitos que ela veicula, que visa confrontá-la como estabilização parafrástica, negociando a integração do acontecimento até absorvê-lo e, eventualmente dissolvê-lo, mas também, ao contrário, jogo de força de uma desregulação que vem perturbar a rede de implícitos (Pêcheux, 1983), e com base na pesquisa efetuada por Zink (1996), acerca das relações de contato entre brasileiros e alemães, este trabalho analisa características das relações diplomáticas oficiais de contato Brasil/Alemanha, no que tange a parcerias de ação para a preservação do meio ambiente e da qualidade de vida no Planeta. Nele, além de serem pesquisadas características desse discurso oficial, investigamos em que medida a necessidade de não ignorar os danos ambientais produziu deslocamentos no funcionamento de discursos estabilizados nessas relações de contato e se o discurso sobre a necessidade de preservação ambiental reorganiza, ou não, as redes de memória anteriormente estabelecidas. Os resultados indicam, por um lado, oscilação entre um discurso afiliado ao chamado ¿paradigma social dominante¿ e um discurso preservacionista, de preocupação com o meio ambiente e contra a miséria e, por outro, oscilação entre a repetição dos lugares de interlocução anteriormente estabilizados e uma tendência à alteração desses lugares. Tal situação aponta para o alerta de Pêcheux (1983), de que para a caracterização da memória impregnada pelo acontecimento discursivo novo é necessário que se leve em conta ¿um espaço móvel de divisões, de disjunções, de deslocamentos e de retomadas, de conflitos de regularização (...), um espaço de desdobramentos, réplicas, polêmicas e contra-discursos¿

Abstract: Based on premises of Discourse Analysis such as the following : Truth-effects are related to power, are established by power through discourse and outside its realm are inexistent (Foucault, 1969); Every subject speaks from interlocutory positions, which are discursively constituted and ideologically defined ¿ that is, every subject is constituted by discourse and, when speaks, the memory and history relative to the subject¿s culture, society and country are set in motion (Orlandi, 1993); There is always a power play within memory under the shock of events: such power play aims at maintaining a preexisting regularization, along with the implicit it coveys, it seeks to confront it as paraphrastic stabilization, negotiating the integration of the event until it is absorbed and, eventually dissolved, but also, in opposition, a power play from a deregulation which perturbs the implicit network (Pêcheux, 1983). And based on the research conducted by Zink (1996), about the relationship between Brazilians and Germans, the present work analyzes the characteristics of the contacts in official diplomatic relations betwee Brazil /Germany, in relation to partnerships for the protection and conservation of the environment and quality of life on Earth. Not only the characteristics of such official discourse were examined in the present work, but also how the need to recognize environmental damage produced dislocations in the functions of discourse established in such contact relations and, if the discourse concerning environmental preservation fosters, or not, a reorganization in the previously established memory networks. The results indicate, on one hand, an oscillation between a discourse affiliated to the so-called ¿dominant social paradigm¿, and a conservationist discourse, which is concerned with the environment and against misery, and on the other, an oscillation between the repetition of the previously stabilized interlocution places and a tendency towards the alteration of such places. Such situation points in the direction of Pêcheux¿s (1983) warning, that for the characterization of memory impregnated by a new discursive event it is necessary to take into account ¿a mobile space of divisions, disjunctions, dislocations, and reclaims, of regularization conflicts (...), a space of expansions, replicas, polemics and counter-discourses¿
Subject: Análise do discurso
Memória
Meio ambiente
Proteção ambiental
Brasil - Relações exteriores
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2008
Appears in Collections:IEL - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Assis_IanOliveirade_M.pdf15.41 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.