Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269269
Type: TESE
Title: A forma da persuasão
Author: Massoni, Maria Izabel de Oliveira
Advisor: Koch, Ingedore Grunfeld Villaça, 1933-
Abstract: Resumo: Com base nos estudos de Perelman e Olbrechts- Tyteca (1996), que concebem o ato de argumentar como o processo em que se utilizam técnicas "que permitem provocar ou aumentar a adesão dos espíritos às teses que se lhes apresentam ao seu assentimento" (p. 4), esta pesquisa centra-se em analisar os tipos de relações sociocomunicativas que se manifestam em dois tipos específicos superestruturais do gênero opinativo e em seus desdobramentos na superfície textual, a partir das duas situações discursivas envolvidas nos atos de provocar e aumentar a adesão. Dado que uma tipologia deve considerar a situação sociocomunicativa, tentamos verificar em que medida as categorias esquemáticas relativas a esse gênero apresentam propriedades específicas ao "acolherem", já na sua "fôrma", esses dois tipos de situação. Nesse sentido, provocar a adesão prevê um contexto polêmico de interação, de disputa pela "verdade", com presumida divergência (pelo menos em algum ponto) entre orador e auditório, a respeito de um tópico (ou parte dele); já o aumentar a adesão requer um contexto em que há, por parte do orador, uma presunção de garantia de adesão do público à sua tese. À luz da teoria polifônica de Ducrot e dos trabalhos de Perelman e Olbrechts- Tyteca, propomos, neste trabalho, um tipo superestrutural que complementa o tipo argumentativo "stricto sensu", apresentado por Koch e Fávero (1987). Assim, postulamos, para a conquista de adesão, com a presumida polêmica instaurada, a situação de redefmição/realinhamento de conceitos, "acolhida" pelo esquema canônico com as categorias Acordo - Desacordo Argumentos - Conclusão; para o aumento da adesão, com a presunção de garantia dessa adesão, a situação de reiteração de conceitos, "acolhida" pelo esquema Premissa - Argumentos - (Contra-Argumentos) - Conclusão

Abstract: The purpose of this research is to analyze the types of socio-communicative relations expressed in two specific super structural kinds of opinion genre and their developments on textual surface based on Perelman and Olbrechts- Tyteca (1996). Two discursive situations will be taken into account: provoke and increase adherence. Any typology should consider the socio-communicative situation. We tried to verify how the schematic categories related to this genre present specific properties when these two types of situations are considered in their very conception. This way, the adherence supposes that an interaction polemical context of struggle for the "truth" with an assumed divergence between the speaker and the audience exists (at least at some point). The increase of adherence requires a context in which there is an assumption of adherence guaranteed by the audience to the speaker' s statement. We propose a super structural typology that supplements the argumentative 'stricto sensu' type presented by Kock and Favero (1987). Our proposal is based upon Ducrot polyphonic theory and Perelman studies. The situation of redefinition/realignment of concepts within the canonical categories of Agreement - Disagreement - Argument -Conclusion is claimed to the conquest of adherence. The situation of reinforcing the concepts within the schema Premise - Arguments - (Counter-Arguments) - Conclusion is claimed to the increase of adherence
Subject: Persuasão (Retórica)
Retórica
Oratória
Teses
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2003
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Massoni_MariaIzabeldeOliveira_D.pdf4.73 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.