Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269258
Type: TESE
Title: O tradutor Paulo Ronai : o desejo da tradução e do traduzir
Author: Esqueda, Marileide Dias
Advisor: Ottoni, Paulo, 1950-2007
Ottoni, Paulo Roberto
Abstract: Resumo: Proponho, neste estudo, analisar algumas das notas de rodapé de Paulo Rónai na tradução para a língua portuguesa da obra A Comédia Humana de Honoré de Balzac, com o intuito de discutir que Rónai, na tentativa de traduzir os trocadilhos balzaquianos que chama de intraduzíveis, sofre o double bind, aquilo que sobra, que resta a ser traduzido. O problema do ¿intraduzível¿, declarado nas notas de tradução de Rónai, mostra sua irredutibilidade perante o idiomático da língua em sua atividade tradutória. O intraduzível para Rónai configura-se no momento mais complicado de sua argumentação teórico-prática, é aquilo que o perturba no processo tradutório. Nesse sentido, a partir das questões abordadas por Jacques Derrida, reflito sobre a questão dos limites entre texto e texto traduzido. Trata-se de tentar construir uma ponte entre a questão das notas de tradução de Rónai e a desconstrução, uma vez que Derrida expõe que é na nota que o intraduzível se multiplica, promovendo a disseminação de uma língua em outra língua. O tradutor Rónai, por assim dizer, é levado a participar do jogo do intraduzível, do double bind, sofrendo os limites das línguas

Abstract: The main purpose of this work is to analyze Paulo Rónai¿s footnotes in the translation to Portuguese language of the work of Honoré de Balzac, La Comédie Humaine, aiming to discuss that Rónai, trying to translate balzaquian¿s puns which he calls untranslatable, suffers the double bind, the remainder to be translated. The problem of the ¿untranslatable¿ declared in Rónai¿s translation footnotes shows his irreducibility before the idiomatic of the language in his translating activity. The untranslatable in Rónai¿s point of view figures out in the most complicated moment of his theoretical-practical activity, it is what bothers him in the translating process. Therefore, based on Jacques Derrida¿s approach, I discuss the limits between text and translated text. I aim to build a bridge between the discussion concerning translation footnotes and deconstruction, once Derrida argues that it is in the translation footnote process that the untranslatable expands, promoting the dissemination from one language to another. The translator Paulo Rónai participates in the untranslatable play, in the double bind play, suffering the limits of the languages
Subject: Balzac, Honoré de, 1799-1850
Ética
Trocadilhos
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2004
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Esqueda_MarileideDias_D.pdf971.98 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.