Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269255
Type: TESE
Title: Crenças sobre o ensino de vocabulario em lingua estrangeira (ingles) para alunos iniciantes
Author: Vechetini, Lilian Rose
Advisor: Scaramucci, Matilde V. R., 1951-
Scaramucci, Matilde Virginia Ricardi, 1951-
Abstract: Resumo: Este estudo visa investigar as crenças de dois professores de inglês como LE de uma escola de idiomas com relação ao ensino de vocabulário para alunos que estão no início de seu processo de aprendizagem da língua-alvo. O objetivo é investigar as crenças desses profissionais através do seu dizer e do seu fazer. A pesquisa é de natureza qualitativa, em que foram usados os seguintes procedimentos de coleta de dados: questionário, entrevistas, observação das aulas seguidas de gravações em áudio e vídeo e anotações de campo. Os resultados revelam que os dois professores-participantes acreditam que seus alunos iniciantes apresentam dificuldades para desempenharem tanto atividades produtivas como receptivas devido ao seu baixo conhecimento lexical da língua-alvo. No entanto, a sua prática de instrução de palavras tende a ser aleatória; eles parecem acreditar que o ensino de vocabulário deve ocorrer em resposta à uma pergunta específica de um aluno. Os resultados também mostram que, embora as crenças inferidas através do seu dizer nos revelam que eles acreditam na importância de se usar técnicas explícitas de ensino do vocabulário, visando promover uma aprendizagem intencional, as crenças inferidas a partir da sua prática de instrução de palavras nos mostram que ela raramente é sistemática. Apesar de dizerem acreditar na importância do uso de estratégias de ensino/aprendizagem de vocabulário visando auxiliar o processo de aquisição de palavras de seus alunos iniciantes, a observação de suas aulas nos revela que elas são muito pouco utilizadas. O que se pode perceber através da análise dos dados é que a prática desses professores é bastante influenciada pelo material didático utilizado por eles

Abstract: This study aims at investigating the beliefs of two teachers of English as a foreign language from a language school concerning the teaching of vocabulary to adults in the first stages of the learning process of the target language. The aim is to investigate the beliefs of these professionals through their what they say and what they do. This is a qualitative research in which the following procedures for data collection were used: questionnarie, interviews, class observations followed by audio-visual recording and field notes. Classes were observed during one semester of formal instruction. The results show that the teachers believe beginners face difficulties to perform either productive or receptive tasks due to their low lexical knowledge. However, they seem to believe that vocabulary instruction must occur in response to a specific question from a student. The results also show that, although the beliefs inferred through what they say reveal that they believe in the importance of using explicit techniques for the instruction of words, the beliefs inferred through their practice reveal that it is rarely systematic. In spite of believing in the importance of using vocabulary teaching and learning strategies, with the objective of supporting the lexical acquisition process of their students, the observation of their classes shows that they are not very used. What we can realize through the analysis of the data is that the practice of the participant teachers is very influenced by the book they use
Subject: Crenças sobre a aprendizagem
Ensino
Vocabulário
Língua estrangeira
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2005
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Vechetini_LilianRose_M.pdf501.09 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.