Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269126
Type: TESE
Title: A inacusatividade na aquisição da linguagem
Author: Palmiere, Denise Telles Leme
Advisor: Perroni, Maria Cecilia, 1947-
Abstract: Resumo: Esta tese investiga a emergência dos verbos inacusativos nos dados de duas crianças adquirindo o Português Brasileiro como língua materna, dos 2;0 aos 4;0 de idade, utilizando como quadro teórico o modelo de Princípios e Parâmetros (Chomsky 1981 e obras posteriores). Os dados são de natureza observacional, longitudinal, totalizando 43 horas de gravação em áudio-tape. Inicialmente, faço o levantamento das muitas abordagens da inacusatividade na Lingüística, mostrando que, em geral, as mesmas normalmente privilegiam ora o aspecto semântico ora o aspecto sintático do fenômeno. A seguir, proponho uma caracterização possível dos verbos inacusativos no PB, que se coloca na interface sintaxe-semântica, a qual é utilizada na análise dos dados de nossas crianças-sujeito. A inacusatividade, então, é estudada no âmbito da aquisição da linguagem, constatando-se: a) os verbos inacusativos são fortemente presentes entre os primeiros da criança, normalmente t1exionados no pretérito perfeito, expressando o resultado de um evento, ou seja, uma mudança, apresentando a situação como acabada e completa - o que é perceptualmente bastante saliente para a criança; b) a sistemática manutenção do argumento dos inacusativos internamente ao VP, diferentemente do que ocorre com os inergativos, mostra que nossas crianças já distinguem desde cedo entre verbos inergativos e inacusativos, o que favorece uma abordagem continuísta da aquisição da linguagem; c) há uma estreita relação entre os diferentes traços semânticos de inacusativos e inergativos e as formas t1exionaisem que tais verbos aparecem na fala dessas crianças, e disso decorre uma relação importante entre inacusativos e aspecto perfectivo e acabado; d) a noção de parâmetro como um complexo de propriedades inter-relacionadas mostra-se adequada para a descrição de nossos dados. A inacusatividade na aquisição da linguagem, pelo menos no que diz respeito aos dados do PB, é um tema até então inexplorado -daí o interessepor seu estudo.Some-se a isso a possibilidade de que, ao explorar este fenômeno específico, bem como suas relações com outros subsistemas lingüísticos na gramática da criança, os resultados são julgados úteis não só para a área de Aquisição da Linguagem, como também para retroalimentar a própria teoria adotada, como admitido por diversos lingüistas, inclusive Chomsky (1997)

Abstract: This work investigates the acquisition of unaccusative verbs by two children acquiring Brazilian Portuguese as their mother tongue, during the period between 2;0 to 4;0 of age. The data collection was naturalistic, observational, adding 43 hours of tape recording. The discussion is based on the theory of generative grammar, making use of the PrincipIes and Parameters model (Chomsky, 1981and subsequent work). Afier discussing the existing approaches to unaccusativity, I propose a possible characterization of unaccusative verbs in BP, at the syntax-semantics interface. Unaccusativity is here explored in the area ofLanguage Acquisition, where it can be demonstrated that: a) unaccusative verbs are highly frequent among the first verbs of the subjects, inflected in the perfect tense, expressing the result of an event, a change of state, presenting the situation as completed; b) the interna! argument of the unaccusative verbs is systematically kept inside VP, much to the contrary of what happens with other verbs (inergatives). This shows that our subjects at an early stage can already distinguish between unaccusative and inergative verbs, which favours a continuist approach to language acquisition; c) the dose relationship between the semantic traces of unaccusative and inergative verbs and the inflected forms in which they appear in the data, point to an important link between unaccusativity and perfective aspect; d) the generative grammar concept of parameter as a complex of interrelated properties is considered adequate in the description and interpretation of the data. Unaccusativity in language acquisition is still an unexplored subject, as far as the acquisition of Brazilian Portuguese is concemed. With this study I hope to contribute not only to fill this gap in the area, by relating it to other linguistic sub-systems in the child's grammar, but also to contribute to the studies in the Language Acquisition area, which can feed the theory of grammar, as recently admitted by severallinguists, including Chomsky (1997)
Subject: Aquisição de linguagem
Verbos
Princípios e parâmetros (Linguística)
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2002
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Palmiere_DeniseTellesLeme_D.pdf5.75 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.