Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269068
Type: TESE
Title: A aquisição do acento primario no portugues brasileiro
Author: Santos, Raquel Santana
Advisor: Scarpa, Ester Mirian, 1947-
Abstract: Resumo: Esta tese trata da aquisição do acento de palavra em português brasileiro. A hipótese a ser defendida é que o acento de palavra não é adquirido levando-se em conta somente a marcação paramétrica, mas que há um desenvolvimento neste processo que considera o trabalho tanto com outros domínios prosódicos, quanto com outros componentes gramaticais. Durante o processo de aquisição, as crianças utilizam várias estratégias para marcar as proeminências acentuais. No início do processo, a criança usa outros domínios prosódicos como default na acentuação; isto é, a criança usa o acento de outros níveis prosódicos para marcar as proeminências de seus enunciados. No decorrer do processo, as estratégias se modificam até que as crianças deixar de utilizar o acento de outros domínios e passem a trabalhar com o acento lexical. Serão discutidas três estratégias prosódicas para marcar proeminências acentuais antes de se aplicar produtivamente o algoritmo de acento primário: o uso de diversos contornos entonacionais; a estruturação prosódica; e o arcabouço acentual. Essas estratégias, aliadas às aquisições morfológica e silábica, dão pistas sobre o processo de aquisição do algoritmo de acento primário

Abstract: This thesis deals with the acquisition of word stress in Brazilian Portuguese. My hypothesis is that the acquisition of word stress takes into consideration not only the relevant parameter settings, but also other prosodic domains and grammatical components. In the course of acquisition, children use several strategies to mark stress prominence before the adult algorithm of primary stress is used productively. Three of them are investigated in detail: the strategy based on intonational contours, the one based on prosodic structuring, and the one based on stress templates. I argue that children use the stress information available in other prosodic domains, as well as syllabic and morphological information, as cues for the acquisition of the algorithm of primary stress
Subject: Psicolinguistica
Aquisição de linguagem
Gramática comparada e geral - Fonologia
Acentos e acentuação
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2001
Appears in Collections:IEL - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Santos_RaquelSantana_D.pdf8.86 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.