Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/269053
Type: TESE
Degree Level: Mestrado
Title: Formas e funções da repetição no contexto das afasias
Title Alternative: Forms and functions of the repetition in the context of the aphasias
Author: Tagliaferre, Rita de Cassia Silva
Advisor: Morato, Edwiges Maria, 1961-
Abstract: Resumo: Este estudo, que se insere no campo da Neurolingüística, reporta o resultado de nossa pesquisa sobre o estatuto da repetição na linguagem de dois sujeitos afásicos, mais especificamente, adultos portadores de uma perturbação da linguagem, decorrente de uma lesão cerebral adquirida, em que há alteração de elementos lingüísticos orais ou escritos relacionados tanto ao processo de produção quanto de interpretação da linguagem verbal (COUDRY, 1988; MORATO et al., 2002). A repetição, enquanto fator textual, lingüístico e interacional, pode ser definida como segmentos repetidos duas ou mais vezes em um mesmo evento comunicativo (MARCUSCHI, 1992:31). O presente trabalho tem como objetivo verificar a freqüência de uso das formas e das funções da repetição na fala desses sujeitos afásicos que freqüentam o Centro de Convivência de Afásicos (CCA), localizado no Instituto de Estudos da Linguagem (IEL), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Seu propósito é caracterizar o fenômeno da repetição no contexto das afasias, a fim de levantar suas principais características lingüísticas no contexto das patologias. Este estudo, além de refletir sobre as semelhanças e as diferenças entre aspectos normas e patológicos do fenômeno, procura fornecer elementos teóricos para o enfrentamento crítico de estereótipos vigentes, segundo os quais a repetição, seja no campo da normalidade, seja no campo da patologia, é necessariamente uma excrescência em relação aos processos de linguagem. Os dados analisados foram extraídos de situações interativas envolvendo afásicos e não afásicos que freqüentam o CCA. O corpus do estudo é constituído de dados relativos a dois sujeitos, um com afasia expressiva e outro com afasia receptiva. Nele, foram focalizadas tanto as condições de emergência da repetição, quanto suas características lingüístico-discursivas. Verificouse que o afásico faz uso da repetição de maneira plurifuncional, tanto quanto o sujeito não-afásico, repete não só com a intenção de se fazer entender, como para dar a sua versão acerca do que se fala. Os resultados obtidos nesta pesquisa colocam em xeque a noção de fluência e disfluência, principalmente as semelhanças e particularidades de produção entre os dois falantes aqui analisados.

Abstract: This study, which is inserted in Neurolinguistic field, reports the results of our research on language repetition status of two aphasic individuals, more specifically, it deals with adults which presented language disorder, due to acquired brain disorder, in which there were some oral and written elements alterations related to both production process and oral (verbal) language interpretation (COUDRY, 1988; MORATO et al., 2002). the repetition, as textual, linguistic and interactive factor, can be defined as the segments repeated twice or more times in the same communicative event (MARUSCHI, 1992:31). The aim of this work was to verify the frequency in the use of forms and repetition functions in these aphasic individuals language, who attended to Centro de Convivência de Afásicos (CCA), at Instituto de Estudos da Linguagem (IEL), UNICAMP. Its purpose was characterize the repetition phenomenon in aphasia, in order to get its main linguistic characteristics within pathology context. This study, besides, reflecting about the similarities and dissimilarities between "normal" and pathological" aspects of the phenomenon, try to provide theoretical elements for a critical review of the current stereotypes, according to which the repetition, either in normality or pathological domains, is a necessarily an excrescence in the language process. The analyzed data were extracted from interactive situations involving aphasic and non-aphasic that attended CCA. The studied CORPUS was constituted of data related to two individuals, presenting expressive aphasia and receptive aphasia respectively. It was focused both conditions of repetition rising as well as on its discourse and linguistic characteristics. We concluded that the aphasic as well as the non aphasic made use not only the repetition in a plurifunctional way, not to make him/her to be understood but also to give his/her version about what is being talking about. The results obtained in this research challenge the notions of fluency and non-fluency, mainly the similarities and particularities of production between the two speakers analyzed here.
Subject: Repetição (Linguística)
Afasia
Neurolinguística
Interação
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2008
Appears in Collections:IEL - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Tagliaferre_RitadeCassiaSilva_M.pdf717.39 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.