Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/268995
Type: TESE
Degree Level: Mestrado
Title: Aspecto no Kaingang
Title Alternative: Aspect in Kaingang (Ge)
Author: Gonçalves, Solange Aparecida, 1960-
Advisor: D'Angelis, Wilmar, 1957-
D'Angelis, Wilmar da Rocha
Abstract: Resumo: A presente dissertação avalia a pertinência do emprego da noção de Aspecto para definir a função desempenhada por um conjunto de partículas oracionais finais na língua Kaingang (família Jê, tronco Macro-Jê). Essa língua indígena é falada no Brasil Meridional em uma população de cerca de 30 mil pessoas. Para tanto, apresenta-se uma revisão da abordagem teórica dos fatos lingüísticos comumente classificados na categoria de Aspecto, destacando as distintas visões do fenômeno, muitas vezes tomado em perspectivas divergentes em diferentes autores. Ressalta-se, por exemplo, a distinção - para alguns teóricos, clara e necessária; para outros, inexistente ou sem grande utilidade - entre Aspecto e Acionalidade ('Aktionsart'). Há resenhas da bibliografia sobre a língua Kaingang, destacando as obras em que o tema foi abordado ou mencionado de algum modo. Finalmente, analisa-se um 'corpus' produzido, em sua maior parte, por dados colhidos diretamente em campo em função dessa pesquisa (uma parte dele, no entanto, é constituído de dados emprestados de outros trabalhos de pesquisa). A partir desses dados, sugerem-se hipóteses sobre a função de tais partículas, apontando, em algumas, efetivas funções aspectuais, mas em outras, uma função modal ou uma perspectiva de evidenciar Acionalidade

Abstract: This dissertation evaluates the relevancy of using the notion of Aspect to define the function performed by a set of final phrasal particles in the Kaingang language (Jê family, Macro-Jê stock). This aboriginal language is spoken by a population of about thirty thousand people in Southern Brazil. For this, a revision of the theoretical approach of the linguistic facts usually classified as Aspect's category is presented, detaching the distinct viewpoints about the phenomenon, many times taken in divergent perspectives by different authors. It's standed out, for example, the distinction - for some theoreticians, clear and necessary; for others, inexistent or without much use - between Aspect and Actionality ('Aktionsart'). There are bibliography summaries on the Kaingang language, detaching the workmanships where the subject boarded or was mentioned in some way. Finally, it is analyzed a set of data that, in its bigger part, was produced in field investigation specially applied for this research (a part of it, however, is constituted of borrowed data of other works of research). From these data, hypotheses are suggested on the function of such particles, concluding, in some cases, that they have effective aspectual functions, but in others, they suggest a modal function or a perspective of evidencing Actionality
Subject: Índios - Línguas
Sintaxe (Gramatica)
Semântica
Lingua kaingang
Gramatica comparada e geral - Aspecto
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2007
Appears in Collections:IEL - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Goncalves_SolangeAparecida_M.pdf1.36 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.