Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/26794
Type: Artigo de periódico
Title: Repercussão da comunicação suplementar e/ou alternativa na afasia não fluente
Title Alternative: Augmentative and alternative communication repercussion on non-fluent aphasia
Author: Bahia, Mariana Mendes
Chun, Regina Yu Shon
Abstract: Purpose : verify the communication forms and linguistic-cognitive performance of aphasics from an Augmentative and Alternative Communication (AAC) perspective and to evaluate their perception.Methods : this is a longitudinal research with qualitative approach, approved by the Ethic and Research Committee. The sample includes 5 non-fluent subjects with aphasia. Data was collected analyzing the subjects’ files, video records of speech and language therapy focused on AAC, and the subjects opinions about it.Results : subjects used several ways of communication to express themselves as well as increased their use of AAC. In doing so, they demanded less gestures support during the study, which facilitated their communication and diminished guessing and frustrated conversation attempts. The use of AAC resulted in the increase of oral production. Subjects referred that they enjoyed using AAC and that it contributed to their communication in some way.Conclusion : results showed that AAC support contributed to subjects so they could assume their position as speakers, overcoming their language difficulties. Therefore it has facilitated them to assume themselves as linguistic and social subjects. Dialogic and contextualized activities, as well as the interlocutor mediation, facilitated the process of (re)signification of their enunciations. Therefore, regarding this context, AAC is an important support that mediates and facilitates the linguistic process on non-fluent aphasias with repercussions on oral production.
Objetivos : verificar as formas de comunicação e desempenho linguístico-cognitivo de afásicos a partir da Comunicação Suplementar e/ou Alternativa (CSA) e conhecer sua percepção.Métodos : pesquisa de abordagem qualitativa de corte longitudinal, aprovada pelo CEP, com amostra de 5 sujeitos afásicos não fluentes. A coleta de dados ocorreu por meio dos prontuários dos sujeitos, registros em vídeo do acompanhamento fonoaudiológico com a CSA e dos seus depoimentos acerca da utilização da CSA.Resultados : os sujeitos utilizam diversas formas de comunicação para se expressar além de fazerem maior uso da CSA, necessitando menor apoio de gestos próprios ao longo do estudo, o que facilitou a comunicação com o outro e diminuiu o uso de adivinhações e tentativas frustradas de conversas. O uso da CSA repercutiu no aumento da produção oral. Os sujeitos referem gostar de utilizar os recursos da CSA e que estes contribuem de alguma forma na sua comunicação.Conclusão: os resultados evidenciam que o apoio da CSA contribui para que os sujeitos estudados pudessem assumir seus lugares como falantes, superando suas dificuldades de linguagem. Deste modo, favoreceu que eles se colocassem como sujeitos linguísticos e sociais. As atividades dialógicas e contextualizadas, bem como a mediação do interlocutor, favoreceram o processo de (re)significação de seus enunciados. Portanto, a CSA, nesse contexto, mostra-se como importante recurso mediador e facilitador do processo linguístico nas afasias não fluentes com repercussão na produção oral.
Subject: Afasia
Auxiliares de Comunicação para Pessoas com Deficiência
Linguagem
Fonoaudiologia
Aphasia
Communication Aids for Disabled
Language
Speech, Language and Hearing Sciences
Editor: CEFAC Saúde e Educação
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/1982-021620146612
Address: http://dx.doi.org/10.1590/1982-021620146612
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-18462014000100147
Date Issue: 1-Mar-2014
Appears in Collections:Artigos e Materiais de Revistas Científicas - Unicamp

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S1516-18462014000100147.pdf387.64 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.