Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/26709
Type: Artigo de periódico
Title: Recuperação em área de empréstimo usada para construção de usina hidrelétrica
Title Alternative: Recovery of nativa area used for construction of hydroelectric power station
Author: Alves, Marlene C.
Nascimento, Vagner do
Souza, Zigomar M. de
Abstract: The recovery of native area used in hydroelectric power station construction is a slow process, and it requires the use of covering plant as a source of organic matter, application of nutrients and amendments as soil conditioner. Thus, this study has the objective to study the recovery of physical attribute of subsoil in a distrophic Red Latosol, used in the embankment and foundation of Hydroelectric Power Station, Ilha Solteira, São Paulo, Brazil. The design used was randomized blocks with eight treatments and four replications. The research started in 1992. The treatments consisted of green manure, pasture and soil amendment. After 13 years, total porosity, macroporosity, microporosity, bulk density, aggregate stability, resistance to penetration, organic matter of soil and dry matter of pasture production were evaluated. The adopted treatments are slowly contributing towards recovery of physical attributes of exposed subsoil. The effects of the soil recovery are reaching 0-0.10 m depth.
A recuperação de áreas de empréstimo usada para construção de hidrelétricas é um processo lento que requer o uso de plantas de cobertura, como fonte de matéria orgânica e a aplicação de nutrientes e corretivos como condicionadores dos atributos do solo. Portanto, objetivou-se, com este trabalho, estudar a recuperação de atributos físicos do subsolo de um Latossolo Vermelho distrófico, utilizado no terrapleno e fundação da Usina Hidrelétrica de Ilha Solteira, SP. O delineamento utilizado foi em blocos casualizados com oito tratamentos e quatro repetições. A pesquisa foi implantada em 1992. Os tratamentos se constituíram do uso de adubos verdes, braquiária e correção do solo. Após 13 anos foram avaliados: porosidade total do solo, macroporosidade, microporosidade, densidade do solo, estabilidade de agregados, resistência do solo à penetração, teor de matéria orgânica e produção de matéria seca da braquiária. Os tratamentos adotados estão recuperando, de forma lenta, os atributos físicos do subsolo exposto. Os efeitos da recuperação do solo estão atingindo a profundidade de 0-0,10 m.
Subject: área degradada
adubos verde
pastagem
degraded area
green manure
pasture
Editor: Departamento de Engenharia Agrícola - UFCG
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S1415-43662012000800011
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S1415-43662012000800011
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-43662012000800011
Date Issue: 1-Aug-2012
Appears in Collections:Artigos e Materiais de Revistas Científicas - Unicamp

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S1415-43662012000800011.pdf145.87 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.