Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/266022
Type: TESE
Title: Óleos vegetais como novos coestabilizadores para reações de polimerização em miniemulsão
Title Alternative: Vegetable oils as new co-stabilizers for miniemulsion polymerization reactions
Author: Bigon, Joice Palma, 1989-
Advisor: Lona, Liliane Maria Ferrareso, 1966-
Abstract: Resumo: O estudo das nanocápsulas poliméricas tem crescido significativamente nas últimas décadas em diversas áreas, pois estas permitem a encapsulação de materiais com diferentes princípios ativos, contribuindo com uma ampla variedade de funções que vão desde a liberação controlada de medicamentos e perfumes até a melhora na retenção de pigmentos de tintas para impressão. Uma das técnicas que tem sido utilizada para a síntese das nanocápsulas poliméricas é a polimerização em miniemulsão, que apresenta como uma de suas vantagens a praticidade de se poder utilizar um iniciador organossolúvel ou hidrossolúvel, bem como obter as nanocápsulas poliméricas com um alto grau de eficiência em apenas uma única etapa. Além disso, a polimerização em miniemulsão é conduzida em água, sendo um importante fator quando relacionado ao aspecto ambiental. Entretanto, para se obter uma polimerização em miniemulsão estável, é necessária a adição de um coestabilizador. Muitos artigos na literatura apresentam o hexadecano como um coestabilizador eficiente, uma vez que ele apresenta baixa massa molar e é insolúvel em água. Entretanto, a aplicabilidade das nanocápsulas pode ser aumentada quando materiais biodegradáveis e biocompatíveis são usados. Por isso, neste trabalho foi proposto o estudo de três óleos vegetais (coco, argan e jojoba) como novos coestabilizadores para reações de polimerização em miniemulsão. O óleo de coco é constituído principalmente de ácido láurico, e possui propriedades anti-inflamatórias. O óleo de jojoba é formado principalmente de ésteres, e assim como o óleo de coco, possui propriedades anti-inflamatórias, entre outras. Já o óleo de argan é constituiído principalmente de ácido oleico e linoleico, e possui propriedades muito benéficas para a pele e cabelo. Para as reações de polimerizaçãoem miniemulsão, foi utilizado o iniciador organossolúvel 2,2¿-azobis-isobutironitrila, o monômero metacrilato de metila e o lauril sulfato de sódio como surfactante. Diferentemente da literatura estudada, a polimerização foi realizada em reator tanque agitado de 1 litro de capacidade, e foram estudados os efeitos dos óleos vegetais como coestabilizador na polimerização em miniemulsão de metacrilato de metila. Além disso, foi estudada a distribuição da massa molar, a cinética da reação, a temperatura de transição vítrea bem como o tamanho médio das nanocápsulas poliméricas. A partir dos resultados obtidos, concluiu-se que todos os óleos vegetais atuam como eficientes coestabilizadores, prevenindo o sistema da degradação difusional e da coalescência das gotas

Abstract: The study of polymeric nanocapsules has grown significantly in recent decades in many areas, as they enable the encapsulation of materials with different active ingredients, contributing to a wide variety of functions ranging from the controlled release of drugs and perfumes to the improvement in retention paint pigments for printing. One of the techniques that has been used for the synthesis of polymeric nanocapsules is the miniemulsion polymerization, presenting as one of its advantages the convenience of being able to use either a water or oil soluble initiator, and to obtain the nanocapsules with a high efficiency degree in only one step. Furthermore, miniemulsion polymerization is conducted in water, being an important factor when relating to the environmental aspect. However, to obtain a stable miniemulsion polymerization, adding a co-stabilizer is required. Many articles in the literature cited hexadecane as an efficient co-stabilizer, since it presents low molar mass and it is insoluble in water. However, the applicability of the nanocapsules can be increased when biodegradable and biocompatible materials are used. Therefore, this study proposed the study of three vegetable oils (coconut, argan and jojoba) as new co-stabilizers for polymerization miniemulsion reactions. The coconut oil is composed primarily of lauric acid, and it has anti-inflammatory properties. Jojoba oil is composed primarily of esters, and as coconut oil, presents anti-inflammatory properties, among others. Argan oil is composed mainly of oleic and linoleic acid and it has very beneficial properties for skin and hair. For miniemulsion polymerization reactions, it was used the oil soluble initiator 2¿2-azobisisobutyronitrile, the monomer methyl methacrylate and sodium lauryl sulfate as surfactant. Different from other studies, the polymerization was conducted in stirred tank reactor of 1 liter of capacity, and the effect of the vegetable oils acting as co-stabilizer in the methyl methacrylate miniemulsion polymerization was studied. In addition, the molar mass distribution, the kinetics of the reaction, the glass transition temperature and the average size of the polymeric nanocapsules were studied. It was concluded that the vegetable oils act in the stability of the miniemulsion polymerization, preventing the system from diffusion of monomers and coalescence
Subject: Nanocápsulas
Nanopartículas poliméricas
Óleo de coco
Jojoba
Polimerização em emulsão
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2015
Appears in Collections:FEQ - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Bigon_JoicePalma_M.pdf3.47 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.