Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/26510
Type: Artigo de periódico
Title: Efeito da estimulação elétrica de alta voltagem catódica sobre a dor em mulheres com DTM
Title Alternative: Effect of cathodal high-voltage electrical stimulation on pain in women with TMD
Author: Gomes, Natalia C. M. C.
Berni-Schwarzenbeck, Kelly C. S.
Packer, Amanda C.
Rdrigues-Bigaton, Delaine
Abstract: BACKGROUND: Pain is the main symptom of patients with temporomandibular disorder (TMD). OBJECTIVE: To evaluate the effect of cathodal high-voltage electrical stimulation (HVES) on pain intensity in women with TMD. METHODS: Twenty women with TMD (24.25±8.90 years old) participated in the study. They were divided into experimental group (EG, n=10), which received 10 applications of HVES, and placebo group (PG, n=10), which received sham treatment with disconnected HVES equipment. For the sample selection, we used the Research Diagnostic Criteria for Temporomandibular Disorder (RDC/TMD). Pain level was evaluated using a visual analog scale (VAS) applied prior to and after the tenth application of HVES. Data were analyzed using the Wilcoxon signed-rank test and the Mann-Whitney test. RESULTS: Ten applications of HVES reduced pain intensity in the EG (p=0.01). In the PG, there was no significant difference (p=0.20). After the application of HVES, no difference was found (p=0.65) between the groups. CONCLUSION: The cathodal HVES was effective in reducing pain in women with TMD. Trial Registration RBR-4bk94x.
CONTEXTUALIZAÇÃO: A dor é o principal sintoma dos pacientes com disfunção temporomandibular (DTM). OBJETIVO: Avaliar o efeito da estimulação elétrica de alta voltagem catódica (EEAV) sobre a intensidade da dor em mulheres com DTM. MÉTODOS: Participaram do estudo 20 mulheres (24,25±8,90 anos) com DTM, divididas em grupo experimental (GE n=10), no qual as mulheres receberam dez aplicações de EEAV, e grupo placebo (GP n=10), no qual foi aplicada a EEAV, porém com o aparelho desligado. Para seleção da amostra, utilizou-se o critério de diagnóstico em pesquisa para DTM (RDC/TMD) e, para avaliação da dor, utilizou-se a Escala Visual Analógica (EVA) aplicada antes do início do tratamento (pré-tratamento) e após a décima aplicação da EEAV (pós-tratamento). Os dados foram analisados pelos testes Wilcoxon das ordens assinaladas e Mann-Whitney. RESULTADOS: As dez aplicações de EEAV promoveram redução da intensidade da dor no GE (p=0,01); no GP, não se observou diferença significativa (p=0,20). Comparando-se os grupos após a aplicação da EEAV, não se notou diferença (p=0,65). CONCLUSÃO: A EEAV catódica é efetiva para redução da dor em mulheres com DTM. Registro de Ensaio Clinico RBR-4bk94x.
Subject: fisioterapia
ensaio clínico
transtornos da articulação temporomandibular
estimulação elétrica
physical therapy
clinical trial
temporomandibular joint disorders
electrical stimulation
Editor: Associação Brasileira de Pesquisa e Pós-Graduação em Fisioterapia
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S1413-35552012000100003
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S1413-35552012000100003
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-35552012000100003
Date Issue: 1-Feb-2012
Appears in Collections:Unicamp - Artigos e Outros Documentos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S1413-35552012000100003.pdf237.02 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.