Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/263198
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Sociedade, natureza e energia : condições estruturais e superestruturais de produção no capitalismo tardio
Title Alternative: Society, nature and energy : structural and superstructural conditions of production in the late capitalism
Author: Doti, Marcelo Micke
Advisor: Guerra, Sinclair Mallet-Guy
Abstract: Resumo: O objetivo deste trabalho é indicar as relações entre sociedade e natureza e como neste processo inevitável de produção da materialidade humana e da produção de um espaço antropogênico produzido pela humanidade para suprir suas necessidades instaurar-se uma totalidade de relações na sociedade, na natureza e na produção dos suprimentos de energia para manter as atividades sociais em qualquer estágio de desenvolvimento. Mais verdadeiro ainda quando se está na sociedade que mais consome as fontes de energia e de matérias-primas do planeta: o capitalismo tardio. A partir desta articulação inicial entre sociedade e natureza e o estabelecimento de relações que só podem ser entendidas como extremamente complexas que constituem uma totalidade determinada é que se põe a questão do papel deste entendimento para o planejador energético nos níveis geopolítico e ideológico. O entendimento dentro deste patamar mais afastado da técnica direta do planejamento e mais integrado na esfera social leva à compreensão do planejador dentro dos interesses subjacentes às políticas energéticas. Eleva-se a visão da técnica para a complexidade social e o jogo de interesses que se deve enfrentar no nas políticas energéticas e, para isso, torna-se necessário uma articulação teórica

Abstract: The main objective of this paper is to show the relations between society and nature. It is important to notice how the totality of relations is established in this inevitable production process of human materialism and in the production of an anthropological space ¿ a space produced by the human activity to supply its necessities. This paper draws attention to the relations inside the society itself, the relations between society and nature as well as the relations between nature and production of energy sources to keep the productive activities of any society in any development stage. This is certainly true concerned to this society that consumes the energy sources and the raw materials a lot in the planet: the late capitalism. After this initial discussion between society and nature and the establishment of relations that can only be understood as complex and that constitute a determined totality, there is the question of the role of this understanding for the energetic planner on the geopolitical and ideological levels. The understanding inside this further level of the planning¿s direct technique and more integrated in the social area leads to the comprehension of the planner inside this role and the implicit interests to the energetic policies
Subject: Natureza
Energia
Geopolítica
Capitalismo
Planejamento
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: DOTI, Marcelo Micke. Sociedade, natureza e energia: condições estruturais e superestruturais de produção no capitalismo tardio. 2006. 208p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia Mecanica, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/263198>. Acesso em: 8 ago. 2018.
Date Issue: 2006
Appears in Collections:FEM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Doti_MarceloMicke_D.pdf1.47 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.