Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/26264
Type: Artigo de periódico
Title: Da associação à dissolução da rede sociotécnica do processador de textos fácil: subsídios para uma etnografia da tecnologia
Title Alternative: Making and dissolving the sociotechnical network of the fácil word processor: elements for an ethnography of technology
Author: Spiess, Maiko Rafael
Mattedi, Marcos Antônio
Abstract: This paper examines the association and dissolution of the sociotechnical network surrounding the Fácil word processor. This software program was conceived and developed in Blumenau (Santa Catarina) during the 1980s and 90s, and eventually sold over 100,000 copies. Inspired by the analyses of technoscience pursued by Bruno Latour, Michel Callon and John Law, the paper attempts to reconstitute ethnographically the composition and decomposition of the Fácil program's sociotechnical network. To this end the paper is divided into seven sections: (i) a brief contextualization of the technoscience framework is followed by (ii) an examination of the software's history, (iii) a description of the process involved in creating the local network, (iv) its establishment as an obligatory point of passage, (v) a discussion of the weakening of the local network, and (vi) the progressive isolation and dissolution of the Fácil word processor's sociotechnical network. In the final section (vii), the text offers some conclusions on the sense and meaning of the analysis of technoscience for anthropology as a whole.
O texto aborda o tema da associação e da dissolução da rede sociotécnica do Processador de Textos Fácil. O Processador de Textos Fácil é um software concebido e desenvolvido em Blumenau/SC durante as décadas de 80 e 90, e que vendeu mais de 100 mil cópias. Com base nas análises da tecnociência desenvolvidas por Bruno Latour, Michel Callon e John Law, o texto procura reconstituir etnograficamente a trajetória de composição e decomposição da rede sociotécnica do Processador de Textos Fácil. Para isto, o texto foi dividido em seis partes principais: depois de uma breve contextualização da temática da tecnociência (i), o texto aborda a história do software (ii); passa em seguida para a descrição do processo de criação da rede local (iii) e seu estabelecimento como um ponto de passagem obrigatório (iv); na quarta parte tratamos do processo de enfraquecimento da rede local (v); a quinta parte aborda a questão do progressivo isolamento e dissolução da rede sociotécnica do Processador de Textos Fácil (vi); para, na última parte, avançar algumas conclusões sobre o sentido e o significado da análise da tecnociência para a antropologia.
Subject: Rede sociotécnica
Tecnologia
Processador de Textos Fácil
Associação
Etnografia
Sociotechnical Network
Technology
Fácil Word Processor
Associations
Ethnography
Editor: Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social - PPGAS-Museu Nacional, da Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S0104-93132010000200008
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S0104-93132010000200008
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-93132010000200008
Date Issue: 1-Oct-2010
Appears in Collections:Artigos e Materiais de Revistas Científicas - Unicamp

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0104-93132010000200008.pdf350.85 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.