Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/261756
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Sintese sonora auto-organizavel atraves da aplicação de algoritmos bio-inspirados
Title Alternative: Self-organizing sound synthesis by means of the application of bio-inspired algorithms
Author: Caetano, Marcelo Freitas
Advisor: Von Zuben, Fernando José, 1968-
Zuben, Fernando Jose Von
Abstract: Resumo: Não há limitações teóricas para o uso do computador como fonte de sons musicais. O computador digital permite a produção de qualquer som concebivel dada a seqüência correta de números (amostras digitais). No entanto, produzir uma dada seqüência de números que corresponda a um som musical que possua determinadas características perceptivas desejadas é uma tarefa de difícil resolução. Grande parte dos métodos e sistemas de síntese sonora digital utiliza modelos e/ou incorpora técnicas que não levam em conta a natureza dinâmica dos sons musicais ou que não foram originalmente desenvolvidas para manipulação musical. Neste trabalho, é apresentada uma abordagem populacional para síntese sonora no domínio temporal. Foi estudado um espaço sonoro e um conjunto de atratores, isto é, um conjunto de formas de onda com qualidades sonoras desejadas e definidas a priori, e foi possível obter sons que possuem características associadas a um ou mais atratores, representando variantes dos mesmos. Este método de síntese de sons musicais pode ser interpretado como um processo de busca no espaço vetorial que contém todas as possibilidades sonoras decorrentes da representação adotada, e tem por objetivo a criação de formas de onda digítalizadas com características emergentes e potencial para serem utilizadas em diversas aplicações musicais. Os resultados representam variantes e/ou possuem íntersecções das características próprias dos atratores, responsáveis por indicar as regiões de interesse do espaço de busca. A proposta de pesquisa envolveu a utilização de algoritmos bioinspirados - os quais expressam propriedades de sistemas auto-organizados e adaptativos - como definidores de processos de geração e estruturação dos elementos sonoros, entendidos aqui como problemas de otimização. A auto-organização e os mecanismos de manutenção de diversidade e de adaptação, intrínsecos aos sistemas bio-inspirados, fundamentam a proposta no sentido de viabilizarem a emergência temporal de estruturas estáveis sem um elemento organizador externo

Abstract: There are no theoretical limitations to the use of the computer as a source of musical sounds. The digital computer allows for the production of any conceivable sound given the carrect sequence af numbers (digital samples). Nevertheless, producing the correct sequence of numbers that correspond to a musical sound expressing predefined perceptual characteristics is a very difficult task. Most sound synthesis methods and systems utilize models and/or incorporate techniques which do not take into account the dynamic nature of musical sounds or were not originally developed for the manipulation of musical tones. In this work we are proposing a populational sound synthesis approach in the time domain. A soundspace and a set of attractors, i.e. waveforms containing a priari desired features or qualities, and a population of agents communicating by means of local interaction were studied, and it was possible to attain sounds which share some qualities from more than one of the attractors, resulting exclusively from low-Ievel rules followed by these agents. This sound synthesis method can be regarded as a search in the vector space that contains ali the possible sounds resulting from the adopted representation, and its objective is to synthesize digital waveforms that possess emergent properties and the potential to be used in musical applications. The resulting sounds are variants or hybrids that share some of the intrinsic features of the attractors, which are responsible for indicating the regions of interest in the search space. This proposal involved the use of bio-inspired algorithms, which express features of adaptive, self-organizing systems, as definers of generating and structuring processes of sound elements, regarded herein as optimization processes. Self-organization and diversity maintenance and adaptation mechanisms, intrinsic to bio-inspired systems, lay the foundations of this proposal so as to make viable the temporal emergence of stable structures without an externa I organizing element
Subject: Música por computador
Música eletrônica
Inteligência artificial
Aprendizado de máquina
Sistemas auto-organizadores
Redes neurais (Computação)
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2006
Appears in Collections:FEEC - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Caetano_MarceloFreitas_M.pdf11.48 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.