Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/258392
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Condicionamento de lodo de tanque séptico e aplicação em uma cultura de roseira
Title Alternative: Septic tank sludge conditioning and application in rosebush culture
Author: Marinho, Luccas Erickson de Oliveira, 1983-
Advisor: Coraucci Filho, Bruno, 1948-
Filho, Bruno Coraucci
Abstract: Resumo: Apesar da baixa eficiência, em relação aos sistemas convencionais de tratamento de esgotos, aproximadamente 12 milhões de famílias utilizam tanque séptico, fazendo deste sistema o segundo método de tratamento de esgoto mais utilizado em nosso país. A destinação do lodo residual que é gerado nestas unidades de tratamento é um grande problema ambiental para as empresas de saneamento, públicas ou privadas. O gerenciamento destes resíduos interfere, direta e indiretamente, na vida de toda a sociedade, principalmente pela necessidade de se dar um destino mais nobre para este abundante resíduo. O presente estudo teve como premissa a geração de tecnologia de uso social de baixo custo, direcionado para ser utilizado em pequenas comunidades. Foi utilizado um lodo de tanque séptico, do tipo coletivo, que faz o tratamento de efluente de uma pequena comunidade no interior do estado de São Paulo. Para o desaguamento desse lodo foram utilizados contentores de geotêxtil de três aberturas aparentes diferentes, em que o processo de desaguamento ocorreu com três enchimentos desses contentores. A redução da massa de lodo foi avaliada em diferentes tempos e ao final de 60 dias não houve diferença estatística significativa quando comparado a eficiência na redução de massa. Essa redução foi de 62 a 64%. Após o deságue o lodo retido nos contentores foi homogeneizado e avaliado quanto ao seu potencial uso na agricultura. As análises laboratoriais demonstraram que o lodo poderia suprir toda a demanda de nitrogênio das roseiras, embora não fosse suficiente quanto ao fósforo e potássio. Foram utilizados cinco tratamentos distintos para a avaliação da aplicação do lodo séptico no solo em um período de 18 meses. Houve um aumento na produtividade de rosas em 31% nos canteiros em que o lodo séptico foi aplicado junto a uma adubação complementar contendo fósforo e potássio. O solo de cultivo avaliado não apresentou risco de acúmulo de metais potencialmente tóxicos e demais compostos que poderiam ser prejudiciais as culturas agrícolas. Os resultados demonstraram também que o manejo convencional da cultura de roseiras com o adubo mineral (NPK) apresenta maiores riscos de lixiviação de nitrato do que quando o lodo séptico é utilizado. As rosas colhidas que foram cultivadas com lodo e adubação complementar apresentaram ganhos na qualidade comercial e durabilidade do produto final o que representa um ganho econômico em escala real

Abstract: Despite the low efficiency compared to conventional wastewater treatment systems, approximately 12 million households use septic tank, making this system the second sewage treatment method most used in our country. The allocation of residual sludge that is generated in these treatment facilities is a major environmental problem for sanitation companies, both public or private. The management of these residues interferes, directly and indirectly, in the life of the whole society, especially for the need to give a nobler destiny for this abundant residue. This study was premised on the generation of social use of low-cost technology, targeted for use in small communities. For this study it was used a collective type septic tank, which provide the effluent treatment from a small community in the state of São Paulo. For sludge dewatering it were used geotextile containers with three apparent openings,. The reduction of sludge mass was evaluated at different times and at the end of 60 days there was no statistically significant difference when compared the efficiency of mass reduction. This reduction was 62-64%. After the outflow sludge retained in the container was homogenized and assessed for their potential use in agriculture. Laboratory tests showed that the sludge could supply all the nitrogen demand of roses, though not sufficient in phosphorus and potassium. Five different treatments were used for evaluating the implementation of septic sludge into the soil over a period of 18 months. There was an increase in productivity rose by 31% in the beds where the septic sludge was applied to a supplementary fertilizer containing phosphorus and potassium. The rated tillage showed no risk of potentially toxic metal accumulation and other compounds that could be harmful agricultural crops. The results also showed that the conventional management of the culture rose with mineral fertilizer (NPK) nitrate leaching presents greater risk than when the septic sludge is used. Roses were harvested and cultured with supplementary fertilization sludge showed gains in commercial quality and durability of the final product which is a full-scale economic gain
Subject: Lodo de esgoto
Nitrogênio
Lixiviação
Reciclagem
Adubos e fertilizantes
Editor: [s.n.]
Citation: MARINHO, Luccas Erickson de Oliveira. Condicionamento de lodo de tanque séptico e aplicação em uma cultura de roseira. 2015. 127 p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/258392>. Acesso em: 27 ago. 2018.
Date Issue: 2015
Appears in Collections:FEC - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Marinho_LuccasEricksondeOliveira_D.pdf1.51 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.