Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/257749
Type: TESE
Title: Avaliação da escala de influencia da vegetação no microclima por diferentes especies arboreas
Title Alternative: Evaluation of the radius of influence of different arboreal species on microclimate provided by vegetation
Author: Abreu, Loyde Vieira de
Advisor: Labaki, Lucila Chebel, 1943-
Abstract: Resumo: É conhecido o papel da vegetação na mitigação do calor gerado no ambiente urbano e na redução do consumo energético para refrigeração dos edifícios. A vegetação tem uma influência significativa no conforto térmico em ambientes externos. Existem, porém, poucos dados conhecidos sobre a quantificação dos benefícios trazidos pelos indivíduos e agrupamentos arbóreos, como a atenuação da radiação solar incidente e a umidificação dos ambientes devido à evapotranspiração das plantas. Este trabalho tem como premissa que as diferentes espécies arbóreas se comportam de maneiras distintas no microclima urbano, em função de suas características morfológicas. O objetivo dessa pesquisa é identificar o raio de influência no conforto térmico alcançado por espécies arbóreas encontradas na região da cidade de Campinas, SP. A metodologia consistiu na identificação das espécies a serem analisadas e em medições dos parâmetros ambientais - temperatura do ar, umidade relativa, velocidade do vento, em pontos situados à sombra da copa e ao sol, em diferentes distâncias do tronco. A radiação solar incidente foi medida com solarímetros de tubo, em dois pontos, à sombra e ao sol. As medições foram realizadas no período diurno, do amanhecer ao anoitecer, durante três dias, espaçados ao longo do ano, em diferentes estações. Foram analisadas cinco espécies arbóreas: Ipê-Amarelo (Tabebuia chrysotricha (Mart. ex DC.) Stand.), Jacarandá (Jacaranda mimosaefolia D. Don.), Jambolão (Syzygium cumini L.), Mangueira (Mangifera indica L.), e Chuva de Ouro (Senna siamea L.). A análise dos dados compreendeu o cálculo da atenuação da radiação solar incidente, da evapotranspiração e avaliação de conforto térmico nas diferentes distâncias, de acordo com uma zona de conforto tridimensional para a região de Campinas. Os dados foram analisados estatisticamente pelo teste de Tukey. Os resultados mostraram que a maior contribuição para o conforto foi do agrupamento arbóreo. Para árvores isoladas, observa-se uma influência importante do Índice de Área Foliar (IAF) e da dimensão das folhas. Em relação ao conforto térmico, uma constatação de grande significado é que até uma distância em torno de 15m do tronco o conjunto de variáveis ambientais proporciona conforto térmico, mesmo ao sol. Um comportamento peculiar foi observado em relação à umidade relativa: a certa distância, em torno de 10m do tronco, esse parâmetro é mais elevado que à sombra, diminuindo com maiores distâncias. A pesquisa sugere importantes investigações futuras: a interpretação do comportamento da umidade relativa, a relação entre a evapotranspiração e a umidade ao longo do dia. Vislumbra-se a elaboração de um modelo que explique o comportamento das espécies analisadas em função de suas características morfológicas e permita simulações para as demais espécies.

Abstract: It is a well known fact the role of vegetation in mitigating the heat generated in the urban environment and in reducing the energy consumed for cooling of buildings. The vegetation has a significant influence on thermal comfort in outdoor spaces. However there are few data available that quantify the benefits that individuals and groupings of trees bring to the environment, such as the attenuation of incident solar radiation and air humidification due to the process of evapotranspiration. The premise of this work is that different tree species behave in different ways in urban microclimate, according to their morphological characteristics. The aim of the research is to identify the radius of influence on thermal comfort achieved by tree species and their arrangement. The species are those found in the region of Campinas city, Brazil. The adopted methodology consisted in identifying the species to be analyzed, measurements of environmental parameters - air temperature, relative humidity, wind speed, in points located in the shadow of the crown and at sunshine, at different distances from the trunk. The incident solar radiation was measured with tube solarimeters, in two points, in the shadow and at sun. The measurements were carried out during the day, from sunrise to sunset, in three days, spaced throughout the year, in periods of different seasons. Five tree species were analyzed: Tabebuia chrysotricha (Mart. ex DC.) Stand.), Jacarandá (Jacaranda mimosaefolia D. Don.), Jambolão (Syzygium cumini L.), Mangueira (Mangifera indica L.), and Chuva de Ouro (Senna siamea L.). Data analysis included calculating the attenuation of incident solar radiation, evapotranspiration, and evaluation of thermal comfort at different distances, according to the three-dimensional comfort zone for the region of Campinas. Tukey tests were used for statistical analyzes. Results show that the best contribution to comfort was from the tree grouping. For isolated trees, there is an important influence of the Leaf Area Index (IAF) and the size of the leaves. Regarding thermal comfort, a finding of great significance is that up to a distance of 15m from the trunk, the set of environmental variables provides thermal comfort, even in the sun. A peculiar behaviour was observed in relation to the relative humidity: at certain distance, around 10m from the trunk, this parameter is higher than in the shade, and decreases with greater distances. The research suggests important future investigations: the interpretation of the behaviour of relative humidity, the relationship between evapotranspiration and humidity throughout the day. The development of a model to explain the observed behaviour of the species as a function of their morphological characteristics can also be proposed allowing simulations for the other species.
Subject: Conforto térmico
Arborização das cidades
Vegetação e clima
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2008
Appears in Collections:FEC - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Abreu_LoydeVieirade_M.pdf20.37 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.