Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/257684
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Comportamento de estacas escavadas de pequeno diâmetro em solo laterítico e colapsível da região de Campinas/SP
Title Alternative: Behavior of bored piles of small diameter in collapsible and lateritic soil in the region of Campinas/SP
Author: Scallet, Marcella Maschietto
Advisor: Miguel, Miriam Gonçalves, 1970-
Abstract: Resumo: Este trabalho tem como objetivo estudar o comportamento de estacas escavadas de pequeno diâmetro, submetidas a carregamentos axiais de compressão através de provas de carga estática realizadas no Campo Experimental de Mecânica dos Solos e Fundações 2 da Unicamp. O CEMSF2 apresenta um perfil geológico cuja primeira camada é constituída de argila siltosa, coluvionar, laterítica e colapsível. Pretendeu-se avaliar as capacidades de carga e os recalques dessas estacas nas condições: a) sem pré-inundação e sem melhoria de ponta; b) sem pré-inundação e com melhoria de 1 ponta, com o lançamento de um volume de 18 litros de brita 1 no fundo da estaca antes da concretagem; c) com pré-inundação e sem melhoria de ponta e d) com préinundação e com melhoria de ponta. Todas as estacas foram submetidas a dois carregamentos (ensaios e reensaios), sob uma mesma condição acima descrita. Foram instalados tensiômetros convencionais para a leitura das sucções matriciais do solo durante a realização das provas de carga. Através das curvas carga versus recalque foram definidas as capacidades de carga e as resistências ao atrito lateral e de ponta, por meio de métodos de interpretação dessas curvas com o solo sem inundação e préinundado por 48horas, considerando as reduções dos valores da sucção matricial do solo, devido às duas condições de umidade. A capacidade de carga das estacas nos ensaios foi menor do que nos reensaios, para as estacas sem pré-inundação, devido ao aumento da resistência de ponta nos reensaios. Nas provas de carga com préinundação, em geral, não houve aumento de resistência de ponta dos ensaios para os reensa ios. A resistência ao atrito lateral foi maior que a resistência de ponta em todas as provas de carga. O lançamento de brita 1 não trouxe melhorias na capacidade de carga. Reduções consideráveis na capacidade de carga foram observadas em função da pré-inundação do solo, sendo essas reduções mais expressivas para as estacas com melhoria de ponta

Abstract: This paper aims to study the behavior of bored piles of small diameters, subjected to axial compression loads by static load tests carried out at the Field of Experimental Soil Mechanics and Foundation 2 at Unicamp. The CEMSF2 has a geological profile whose first layer is composed of silty clay, with coluvionar, lateritic, and collapsible features.This study intended to evaluate the load capacities and the settlements of these foundations in such conditions: a) without any pre- wetting nor improvement in the tip; b) without any pre-wetting but with a tip improvement, placing a volume of 18 liters of stones 1 in the base of the pile before concreting c) with pre- wetting but without tip improvement and d) with pre-wetting and tip improvement. All these piles were subjected to two loading (tests and retests), under the same test condition described above. Conventional tensiometers were installed to read the matric suctions of the soil during the performance of the load tests. Throughout the load versus settlement curves the load capacities and the strength to lateral friction and tip were defined using methods of interpretation of these curves with the soil without any pre-wetting and 48-hour-pre wetting, considering the reductions of the values of the soil matric suction due to two moisture conditions. The load capacity of piles in the tests was smaller than the one in the retests for the piles without any pre-flooding, due to the increase of the tip strength in the retests. In the load tests with pre-flooding, in general, there was not any increase of strength in the tip of the tests for the retests. The strength to the lateral friction was greater than the tip strength in all loading tests. The placing stones 1did not result any improvement to the bearing capacity. Considerable reductions in bearing capacity were observed because of the pre-wetting soil, such reductions are more significant for the piles with improved tip
Subject: Estacas de concreto
Prova de carga
Fundações
Solos tropicais
Capacidade de carga
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2011
Appears in Collections:FEC - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Scallet_MarcellaMaschietto_M.pdf1.81 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.